Selo Believe Films, produtora Maria Farinha Filmes e Videocamp disponibilizam filmes para serem assistidos a qualquer momento no período de quarentena. Ao todo são seis opções de filmes sobre a importância do brincar, relações humanas, educação e infância

Diversos países do mundo, incluindo o Brasil, enfrentam a pandemia de COVID-19 e, nesse momento é importante seguir as recomendações das autoridades de saúde e evitar deslocamentos e aglomerações. Como forma de mostrar o compromisso com o bem-estar coletivo, o Videocamp em parceria com o Believe Films – selo que reúne conteúdos para expandir a possibilidade de acreditar em um futuro positivo e possível para todas as pessoas — e as produtoras Maria Farinha Filmes e Participant Media disponibilizam uma lista especial de filmes para serem assistidos como, onde e quando o usuário desejar, até o dia 25 de abril.

O Videocamp, plataforma que possibilita sessões gratuitas de filmes com potencial de impacto, sempre incentivou o encontro de pessoas para que juntos pudessem refletir sobre temas socialmente relevantes, entretanto, para seguir as regras de isolamento recomendadas, a plataforma abre a possibilidade dos usuários realizarem sessões individuais.

“Esse cenário de afastamento social é um momento difícil para todos nós. Aqui no Videocamp acreditamos na força dos filmes para transformar realidades, mas acreditamos principalmente na solidariedade, na empatia e na potência que somos enquanto pessoas e coletivo. Esse é o momento de nos cuidarmos, de cuidar dos outros, e essa lista de filmes para assistir a qualquer momento é a forma que encontramos, juntos com parceiros, de contribuir com a sociedade, ressalta Josi Campos”, coordenadora do Videocamp.

Luana Lobo, uma das idealizadoras do Believe Filmes e sócia da produtora Maria Farinha Filmes, acredita que este é um momento de união e respiro: “De acordo com a Organização Mundial da Saúde, o Brasil é o país mais ansioso do mundo. A arte conversa intimamente com os nossos desejos e medos e tem o poder de expandir o nosso imaginário coletivo de futuro. Por isso, nesse momento, unimos esforços entre a Maria Farinha Filmes, a Participant Media e o Videocamp para democratizar o acesso a uma curadoria de filmes inspiradores que podem nos ajudar a cuidar da nossa saúde mental”, diz.

Para assistir aos filmes dessa lista especial, basta estar conectada (o) — ou se cadastrar — na plataforma. A seleção reúne filmes sobre a criança, infância, relações humanas, o brincar e as culturas brasileiras. Confira, abaixo, o resumo dos filmes disponíveis dessa playlist.

– Tarja Branca: Documentário que revela a importância do brincar e do espírito lúdico em todas as idades e momentos da vida.

– Território do Brincar: Um passeio pela geografia de gestos infantis que habitam brincadeiras de diversas regiões brasileiras. Gestos que contam histórias, revelam narrativas, constroem uma linguagem própria do brincar e nos apresentam a nós mesmos.

– O Começo da Vida: O desenvolvimento de todos os seres humanos encontra-se na combinação da genética com a qualidade das relações que desenvolvemos e do ambiente em que estamos inseridos.

– Nunca Me Sonharam: Os desafios do presente, as expectativas para o futuro e os sonhos de quem vive a realidade do Ensino Médio nas escolas públicas do Brasil.

– Waapa: Propõe um mergulho inédito na infância Yudja (Parque Indígena do Xingu/MT) e os cuidados que acompanham seu crescimento.

– Terreiros do Brincar: Retrata a participação de crianças em vários grupos de manifestações populares em quatro Estados brasileiros, e a sua relação com um brincar coletivo, intergeracional e sagrado.

– Corações e Mentes (4eps): Cultivar o protagonismo na educação formal é fomentar o poder transformador que habita em cada estudante, educador, gestor e família.

Sobre o Videocamp

O Videocamp é uma plataforma online que reúne filmes com potencial de impacto que podem ser exibidos por qualquer pessoa, em qualquer lugar do mundo e de forma gratuita. A missão do Videocamp é criar caminhos para democratizar o acesso à cultura e à informação, que são direitos universais. Para os realizadores, a plataforma potencializa a formação de público e atua como ferramenta de promoção dentro da estratégia de lançamento do filme.

Sobre o Selo Believe Films

O selo Believe Films reúne conteúdos que fortalecem a habilidade de acreditar em um futuro positivo e possível para todas as pessoas é uma iniciativa é uma iniciativa da distribuidora Flow, spin off da Maria Farinha Filmes e especializada em lançar filmes como movimentos, conectando narrativas urgentes e inspiradoras ao grande público, engajando audiências. Alguns dos destaques de seu portfólio são os documentários A Juíza, indicado ao Oscar em 2019, e Longe da Árvore (2018), baseado no best-seller com o mesmo título — ambos. É fruto de uma parceria com a Participant Media, produtora americana dedicada a realizar entretenimento que traz consciência social, indicada a 73 Oscars e vencedora de 18 estatuetas.

Anterior Alok ganha o prêmio Winter Music Conference
Próximo Mulheres ganham força no universo gamer