Série documental de Paulinho Moska TU CASA ES MI CASA chega ao canal HBO Mundi

TU CASA ES MI CASA, série documental sobre o renomado cantor e compositor brasileiro Paulinho Moska, tem episódios semanais toda segunda-feira, às 20h, no canal HBO Mundi e na HBO GO. Em cada um dos 12 episódios, Moska percorre um país latino-americano e entrevista personalidades da arte e da ciência, a partir das quais compõe canções que celebram nossas raízes.

A América Latina é muito mais do que suas tradições locais. No continente todo, há numerosos artistas, compositores, pensadores e cientistas que exploram ideias novas e ousadas. Paulinho Moska é um compositor brasileiro popular e carismático que recruta esses talentos para compor canções novas e emocionantes que celebram o potencial dos nossos países.

Em TU CASA ES MI CASA, personalidades populares em cada país se unem a Moska na busca de razões para prever um grande futuro para o nosso continente. Além das esperadas canções, esses encontros resultam em interpretações visuais das conquistas de cada lugar, que Paulinho tatuará no próprio corpo, como prova do seu compromisso e entusiasmo por essas ideias.

O projeto revela uma América Latina moderna e contemporânea. É uma série emocionante e mobilizadora, que contempla contribuições latinas para as mudanças globais.

Entre as personalidades entrevistadas nos 12 episódios de TU CASA ES MI CASA se destacam:

Montevidéu: Roberto Musso, cantor da famosa banda de rock “El Cuarteto de Nos”, e Bettina Tassino, uma cientista que explicará como funcionam o ritmo circadiano e o mecanismo interno que regula o estado de alerta e o sonho.

Buenos Aires: Kevin Johansen, um cantor e compositor nascido no Alaska, combina uma forma muito argentina de se expressar e ironizar com um olhar estrangeiro e cosmopolita.

Santiago: Camila Moreno, uma cantora e compositora que conquistou o público com uma visão complexa e contemporânea, recentemente se tornou uma das artistas mais populares do Chile.

Rio de Janeiro: Antonio Bokel, um artista que combina a arte urbana e popular com ideias contemporâneas.

Bogotá: Miguel Cárdenas, um artista bem-sucedido que divide seu tempo entre a Colômbia e os Estados Unidos, construiu uma obra em que a botânica e a zoologia estão sempre presentes.

Lima: O cientista William Trujillo, nascido em uma região de fortes tradições indígenas, explicará um esforço conjunto recente de profissionais peruanos e dinamarqueses para gerar um sistema de detecção precoce e a baixo custo da dengue em pacientes de comunidades remotas nas montanhas.

Quito: César Paz-y-Miño, um geneticista que há décadas se dedica a divulgar como as culturas indígenas das Américas manipulavam o genoma de espécies há milênios.

La Paz: A vida noturna da cidade é o âmbito ideal para conhecer os morcegos urbanos, tendo como guia sua principal pesquisadora, Kathrin Barboza, e descobrir não só que são inofensivos, mas que a saúde e produção agrícola dependem da contribuição deles.

Cidade do Panamá: María Raquel Cochez, uma artista que dedicou sua carreira a questionar os padrões de beleza e expectativas que pressionam as mulheres.

San José: Luis Montalbert, um cantor com um toque do rock dos anos 70, nos apresenta ao modo de pensar de um povo reflexivo, o único na América Latina a abolir o Exército e a destinar à cultura a verba antes usada para a defesa da Costa Rica.

Cidade do México: Tamara Rosembaum, uma cientista que estuda os mecanismos físicos por meio dos quais o cérebro percebe o calor e a dor, e sua relação com um elemento central da cultura culinária mexicana: os temperos picantes.

Cidade da Guatemala: Marilyn Boror, que por meio da arte contemporânea, trabalha para recuperar a contribuição das culturas originárias da Guatemala.

TU CASA ES MI CASA é uma ideia original de Pablo Casacuberta, Marcelo Braga e Paulinho Moska. Tem produção executiva de Marcelo Braga, contribuição científica e conteúdos do GEN Centro de Artes y Ciências, apresentação e direção de Paulinho Moska. Uma produção da Santa Rita Filmes.

Sobre HBO Latin America

HBO Latin America é uma rede de televisão premium por assinatura, líder na região, respeitada pela qualidade e pela diversidade de sua programação, que inclui séries, filmes, documentários e especiais originais e exclusivos. A rede exibe também alguns dos mais recentes blockbusters de Hollywood, antes de qualquer outro canal premium. Os conteúdos são exibidos em HD em mais de 40 países da América Latina e do Caribe por meio dos canais HBO®, HBO2, HBO Signature, HBO Plus, HBO Family, HBO Mundi, HBO Pop, HBO Xtreme e o canal básico Cinemax®. A programação é oferecida também por meio de várias plataformas, como a HBO GO® e HBO On Demand®.

Sobre WarnerMedia Latin America

A WarnerMedia Latin America, uma divisão da WarnerMedia International, cria e distribui conteúdos premium e popular para audiências de toda a região. Suas marcas de Pay TV estão organizadas em seis grupos: Infantil (Cartoon Network, Boomerang e Tooncast); General Entertainment (TNT, TNT Series, Space, Cinemax, TCM, I.Sat, Warner Channel, TBS, HTV, MuchMusic, Glitz* e truTV); Noticias (CNN International, CNN en Español, CNN Chile e HLN); Esportes (TNT Sports) e Premium (HBO, HBO 2, HBO GO, HBO Family, HBO Pop, HBO Xtreme, HBO +, HBO Signature y HBO Mundi). Em TV aberta, é dona do canal Chilevisión. A Warner Bros. integra a unidade de negócios na região com suas quatro áreas operacionais: distribuição de conteúdo televisivo; home entertainment, cinema e consumer products.

Em janeiro de 2020, apresentou a Particular Crowd, seu próprio selo de cinema, e recentemente adquiriu a marca digital Raze. A WarnerMedia lançará seu serviço de streaming HBO Max na América Latina em 2021.

CLIQUE ABAIXO E ACESSE + CONTEÚDOS SOBRE  👇
  #MÚSICA   #TEATRO&DANÇA   #GASTRONOMIANODF   #RECEITAS  
#ARTESVISUAIS   #FILMES   #SÉRIES   #TVABERTA&ASSINADA
 #LITERATURA   #TURISMO   #EVENTOS

SIGA E CURTA AS NOSSAS REDES SOCIAIS
  FACEBOOK/DIVERSAOAQUITEM   INSTAGRAM/DIVERSAOAQUITEM
TWITTER/DIVERSAOAQUITEM

Anterior Molho de tomate italiano caseiro, aprenda a fazer agora
Próximo Espetáculo Violeta reflete sobre envelhecimento feminino