Sobre Isto, Meu Corpo Não Cansa


CAIXA Cultural Brasília apresenta a Quasar Cia de Dança com espetáculo “Sobre Isto, Meu Corpo Não Cansa”

Com direção de Henrique Rodovalho, “Sobre Isto, Meu Corpo Não Cansa” apresenta uma visão sobre o amor no palco do teatro com diferentes nuances e visualidades sobre o amor, ao som de músicas de Clarice Falcão, Malu Magalhães e Tulipa Ruiz

O amor é o coadjuvante do mais recente espetáculo da companhia goiana Quasar, fundada em 1988 e uma das mais expressivas do país. A montagem Sobre Isto, Meu Corpo Não Cansa foi selecionada por meio do Programa de Ocupação da CAIXA Cultural para temporada na capital em setembro. Dirigida por Henrique Rodovalho, o espetáculo acontece nos dias 16,17 e 18 de setembro, no Teatro da CAIXA Cultural Brasília.

Os bailarinos entrelaçam histórias sobre diversos aspectos da paixão conduzidos ao som de uma trilha sonora com cantoras da nova geração da MPB. Clarice Falcão, Mallu Magalhães e Tulipa Ruiz embalam os oito artistas, que também soltam a voz em cena.
Sinopse

O amor e suas singularidades entram mais uma vez em cena com a Quasar Cia de Dança. As vozes de uma nova – e feminina – música popular brasileira entoam canções que buscam outras tonalidades e visualidades do tema mais versado por compositores e poetas. O amor desajeitado e maluco. O amor doce e romântico. O amor passional e avassalador. Tudo sobre o que nosso corpo nunca cansa.

Em movimentos, a irreverência e velocidade contrastam com sutileza e leveza, em uma dança envolvente, que busca na excentricidade de personagens de um mundo inventando a força para provocar encontros. Toda a trama surge às voltas de um amor inspirado pela juventude.

O cenário, revelador e misterioso, infunde uma transparência azul, onírica e concreta, no palco que absorve olhares curiosos sobre o que há em tais coxias. O figurino multicolor exprime ânimos. E até mesmo em vozes experimentais podemos vislumbrar o amor, com bailarinos ofegantes que se jogam em cenas de um musical, acompanhados por cordas ainda mais inesperadas. O espetáculo se completa com esse elenco apaixonado, preparado para usar os seus melhores artifícios criativos para envolver seu par, o público.

Sobre a Quasar Cia. de Dança

Movimentos e expressões de dança que sempre surpreendem o público pelo viés de um olhar poético e bem-humorado. Uma estética contemporânea arrojada que resulta em coreografias que cativam pelo apuro técnico. Essas propostas se destacam no trabalho da Quasar Cia de Dança, que em 2013 completou 25 Anos de atuação em palcos nacionais e internacionais. Como uma das principais representantes da dança produzida no Brasil, já levou sua obra para mais de 25 países, e para 25 estados brasileiros.

À frente da companhia encontram-se seus fundadores Vera Bicalho (diretora geral) e Henrique Rodovalho (diretor-artístico e coreógrafo) – ex-bailarinos do Grupo Energia, seu precursor no início dos anos 1980. Sem medir esforços a dupla investiu, em 1988, na criação de um grupo de dança (com bailarinos em permanente renovação) que hoje é celebrado em vários países.

A partir de Goiânia, pioneira no Cerrado brasileiro, a Quasar transformou-se num ícone de apuro artístico em cena aberta que recebe atenção de pesquisadores do circuito das artes em vários países. Assim o catálogo de premiações cresce cada vez mais numa trajetória que busca apresentar um repertório exclusivo de espetáculos que dialogam com linguagens plurais do mundo moderno e que permitem diferentes leituras sensoriais.

A Quasar transita com muita singularidade por múltiplas estéticas com recortes e misturas inovadoras da dança que se inter-relacionam com as diferentes linguagens cênicas, instalações artísticas, multimídias, entre outros suportes e comunicações visuais. Companhia independente também participa de uma série de projetos paralelos. O principal objetivo é: profissionalização da dança e a formação de um público que melhor contextualize um trabalho que se pauta por uma forte identidade autoral. É o prazer artístico respaldado pelo selo da qualidade.

Serviço

Espetáculo: “Sobre Isto, Meu Corpo Não Cansa”
Local: Teatro da CAIXA Cultural Brasília
Endereço: SBS – Quadra 4 – Lotes 3/4 – Brasília – DF
Temporada: de 16 a 18 de setembro.
Dias e horários: Sexta e sábado, às 20h, e domingo, às 19h.
Duração: 80 minutos.
Ingressos: R$20 (inteira) e R$10 (meia entrada para estudantes, professores, maiores de 60 anos, funcionários e clientes CAIXA e doadores de brinquedos).
Bilheteria: De terça a sexta e domingo, das 13h às 21h, e sábado, das 9h às 21h.
Os ingressos começam a serem vendidos no dia 10 de setembro, sábado, somente na bilheteria do teatro. Pagamento a dinheiro, cheque, cartões de débito de crédito e Vale-Cultura.
Classificação indicativa: Não recomendado para menores de 12 anos.
Capacidade: 406 lugares (8 para cadeirantes)
Informações: 61 3206-9448 | 3206-6456
Patrocínio: CAIXA e Governo Federal

Ficha Técnica Espetáculo

“Sobre Isto, Meu Corpo Não Cansa”
Direção Geral: Vera Bicalho
Criação e Direção Coreográfica: Henrique Rodovalho
Direção de Ensaio: Daniel Calvet
Bailarinos: Gleysson Moreira, Jackeline Leal, João Paulo Gross, José Villaça, Lunna Gomes, Martha Cano.
Figurinista: Ludmilla Castro
Cenário: Henrique Rodovalho
Trilha sonora: Eu me Lembro, Um Só, Talvez, Qualquer Negócio, Oitavo Andar, O que eu Bebi, Ô, Ana, Sambinha Bom, Cena, Olha só, Moreno, Cais, In the morning, Por que você faz assim comigo? Do Amor, Sushi, Cada Voz, Megalomania, Víbora, Só sei Dançar com Você, Billie Jean.
Desenho de Luz: Henrique Rodovalho
Montagem e Operação de Luz: Sergio Galvão
Preparador Vocal: Pedro Oliveira
Coordenação de Produção: Vera Bicalho
Produção: Thays Benício

Anterior Artistas pelo Cerrado
Próximo REVISTA AQUI TEM DIVERSÃO