Sérgio Belluco, músico que dedicou sua vida ao choro, é homenageado pelo conjunto nas produções que vão ao ar dia 24 de março, no SescTV

Importante grupo de choro da atualidade, o grupo Água de Vintém, da cidade de Piracicaba, interior de São Paulo, é atração de duas produções que o SescTV exibe no dia 24 de março, domingo, a partir das 21h.

A primeira é um documentário da série Passagem de Som, que acompanha o conjunto em visita à casa do compositor e violonista Sérgio Belluco; a segunda é um show da série Instrumental Sesc Brasil, que traz no repertório composições autorais e outras de autoria de Belluco, além de clássicos do chorinho. Inéditas, as produções têm direção geral de Max Alvim e podem ser assistidas, também, em sesctv.org.br/aovivo.

O Água de Vintém nasceu em 2011, na cidade de Piracicaba. Seu primeiro disco, Café da Dona Chica, foi lançado em 2013 pela Acaro Records, gravadora especializada em choro. No segundo álbum, Água de Vintém interpreta Sérgio Belluco, lançado em 2015, o grupo deixou o repertório autoral de lado para mergulhar na obra de Belluco.

Com mais de 80 músicas e vasto material didático, o artista veterano cumpre um papel importante na tradição do choro brasileiro. “Já toquei bastante. Tive três grupos, o mais famoso foi o Som Brasileiro, com o qual gravei mais composições”, diz Sérgio.

No Passagem de Som, os integrantes do Água de Vintém conversam com o Belluco e, através de um painel de fotos, rememoraram os grupos pelos quais o veterano passou, como o Serenata, em que Sérgio tocou ao lado de seu irmão e o Som Brasileiro, onde tocou com o músico Alessandro Penezzi em início de carreira. “Ele começou a estudar comigo aos 12 anos e tocamos juntos até ele completar 30 anos”, explica Belluco.

Na sequência, no show da série Instrumental Sesc Brasil, o Água de Vintém, que é formado por Vitor Casagrande, no bandolim e violão tenor; Guilherme Girardi, no violão 7 cordas; Marquinhos Godoy; no violão 6 cordas e guitarra; Charles Barreto, no cavaquinho; e Xeina Barros, no pandeiro, tocam composições como: Mutamba, de José Agostinho da Fonseca; O Camarero do João, de Vitor Casagrande; Deixa que Eu te Conto, de Guilherme Girardi; Vera, de Severino Rangel; Sabrina e Nossa Amizade, ambas de Sérgio Belluco; Carolina, de Chico Buarque; e Remexendo, de Radamés Gnatalli. O espetáculo foi gravado em outubro de 2018, no Teatro Anchieta do Sesc Consolação, na capital paulista.

Sobre o SescTV

O SescTV é um canal de difusão cultural do Sesc em São Paulo, distribuído gratuitamente, que tem como missão ampliar a ação do Sesc para todo o Brasil. Sua grade de programação é permeada por espetáculos, documentários, filmes e entrevistas.

As atrações apresentam shows gravados ao vivo com grandes artistas da música e da dança. Documentários sobre artes visuais, teatro e sociedade abordam nomes, fatos e ideias da cultura brasileira. Ciclos temáticos de filmes e programas de entrevistas sobre literatura, cinema e outras artes também estão presentes na programação.

Serviço

Passagem de Som / Instrumental Sesc Brasil
Água de Vintém
Estreia: 24/3, domingo, a partir das 21h.
Reapresentações: 25/3, segunda, a partir das 16h30; 26/3, terça, a partir das 9h30; 27/3, quarta, às 11h; 28/3, quinta, às 13h; e 30/3, sábado, às 14h.
Classificação Indicativa: Livre.
Direção Geral: Max Alvim.
Produtora: Canal Independente.

Para sintonizar o SescTV:
Canal 128, da Oi TV
Ou consulte sua operadora
Assista também online em sesctv.org.br/ao vivo
Siga o SescTV no twitter: http://twitter.com/sesctv
E no facebook: https: facebook.com/sesctv

Anterior Fim de semana musical na Feira da Torre de TV
Próximo "Girl Talks": Nube Hub promove evento para mulheres