Na noite de sábado, 8 de junho, em evento à altura da relevância patrimonial do edifício, o Museu Histórico e Artístico de Planaltina recebeu a presença de artistas visuais, galeristas, colecionadores, de todo o DF, assim como de moradores da cidade para a abertura do II Salão Mestre D’Armas e anúncio de seus três vencedores.

A entrega da premiação teve início com pronunciamento dos organizadores no qual reforçaram a importância do fomento das artes por meio do FAC (Fundo de Apoio à Cultura do DF), e também se mostraram preocupados com o cancelamento do Edital Áreas Culturais, pela Secretaria de Cultura, e exibiram a frase “Ocupar espaços com arte para resistir nas lutas”, estampada em suas camisetas. Em seguida, os jurados enalteceram a relevância do Salão ao prestigiar a produção [em artes visuais] para além das asas do Plano Piloto e, em especial, pela maioria de mulheres expondo [nove para apenas seis homens].

A grande vencedora da noite, Waleska Reuter, artista plástica com trajetória de quinze anos no campo da escultura, levou o primeiro lugar com a apresentação de uma performance que arrebatou os presentes ao evento. A artista desconstruiu de sua obra, “Isto Não É Uma Obra de Arte”, com uma motosserra.

O segundo lugar ficou para Luciana Paiva, autora das obras “Inverso n3”, “Zns” e um tríptico da série “torto”, cuja produção investiga as relações entre escrita e espaço a partir de mídias e materiais diversos. Luciana foi indicada do Prêmio Pipa nos anos de 2011 e 2019. Em terceiro, Marcos Antony apresenta as obras “caixa de cortar pulsos”, de 2017, e “Vai Malandra”, de 2018. Os vencedores receberam os prêmios de R$ 10 mil, R$ 7 mil e R$ 6 mil, respectivamente, os 12 outros artistas receberam R$ 3 mil, pela participação.

Serviço

Mostra de artes visuais: II Salão Mestre D’Armas
Local: Museu Histórico e Artístico de Planaltina
Endereço: Praça Salviano Guimarães, 24, Setor Tradicional de Planaltina.
Visitação: de 9 de junho a 11 de agosto de 2019, de terça a domingo, das 9h às 21h
Entrada franca
Livre para todos os públicos e idades

Mais informações: www.salaomestredarmas.com.br

Anterior Em videoclipe, Mustache e os Apaches criticam o “século do ego”
Próximo Sabores da culinária mediterrânea para o Dia dos Namorados