Comissão curatorial do II Salão Mestre D’Armas divulga a lista de artistas visuais selecionados, são eles: Camila Soato; Clarice Gonçalves; Débora Passos; Gabriela Mutti; Gustavo Silvamaral; Isabela Couto; Lis Marina Oliveira; Luciana Paiva; Márcio Mendanha de Queiróz; Marcos Antony Costa Pinheiro; Mattheus Mota; Patricia Bagniewski; Rafael da Escóssia; Shevan Lopes; e Waleska Reuter.

Com fomento do FAC – Fundo de Apoio à Cultura do DF, importante instrumento de valorização e geração de empregos no setor produtivo e criativo do DF, o Salão destinará o montante de R$ 59 mil em prêmios, sendo R$ 10 mil para o 1º lugar, R$ 7 mil para o 2º lugar e R$ 6 mil para o 3º. Os demais receberão, igualmente, um prêmio de participação no valor de R$ 3 mil.

As obras dos artistas [selecionados] ficarão expostas, para visitação gratuita, de 8 de junho a 11 de agosto no Museu Histórico e Artístico de Planaltina (MHAP). Na exposição, “quem for ao Museu terá a chance de apreciar a rica e diversificada produção de artistas residentes no DF e Entorno”, convida Simone dos Santos Macedo, integrante da AACHP – Associação dos Amigos do Centro Histórico de Planaltina, instituição realizadora do Salão.

Entre as linguagens, a comporem o II Salão, estão pintura, performance, objeto, escultura, instalação e intervenção urbana, realizadas por artistas de várias Regiões Administrativas do Distrito Federal além de Planaltina e Cavalcante, do Goiás. Os vencedores, escolhidos por um comitê formado por três especialistas de renome e com trajetória reconhecida nacionalmente, serão revelados na abertura do Salão, dia 8 de junho, em cerimônia com início marcado para às 19h.

Anterior Ô, trem bão! Festa Junina do Iate Clube de Brasília
Próximo Lançamento de “Cem Poemas Escolhidos de Marcos Freitas”