Iniciativa Rodas Ancestrais,  que integra Capoeira, Mamulengo e Samba de Roda, tradições consideradas patrimônio imaterial, abre diálogos sobre educação, história, arte e ancestralidade

Capoeira, Mamulengo, Samba de Roda e Contação de Histórias. Diferentes manifestações e universos, que se juntam e dão vida ao projeto Rodas Ancestrais, em uma rica festa da nossa cultura popular. Com 4 edições já realizadas, a brincadeira chega agora à Escola Classe 303 de Samambaia Sul.

A 5ª Grande Roda vai ser no sábado, dia 23, das 10h às 12h, com entrada franca e classificação livre. Nessa edição, o projeto conta com a honra da presença de Mestre Russo, de Caxias (RJ).

O projeto Rodas Ancestrais é realizado mensalmente em escolas e espaços públicos de Samambaia, com rodas de prosa e apresentações culturais recheadas de música, poesia, teatro popular e corporeidade.

O projeto é fundamentado em princípios da Pedagogia Griô, onde os mestres de tradição oral, chamados de griôs, são agentes fundamentais na relação entre educação, cultura e ancestralidade afro-brasileira.

Realizam e participam dessa festa os grupos culturais: Comunidade de Capoeira Formigueiro de Angola, Escola Cultural Capoeira Fio da Navalha, Mamulengo Presepada, Samba de Roda Cid Aroeira e Casa Moringa, com Maria das Alembranças.

Mestre Russo (participação especial)

Mestre Russo iniciou suas atividades na Capoeira em 1968. Em 1975, foi apresentado àquele que seria o seu primeiro tutor, Idelfonso Rabelo Santos, seu primo, que também era lutador de judô e luta livre. Em 1972 foi apresentado ao Mestre Barbosa, com quem treinou até 1976. No dia 3 de junho de 1973, dia do Santo Antonio, um grupo de amigos capoeiristas organizou uma roda em uma festa na comunidade da Igreja Católica Santo Antonio.

Após esta roda “inaugural”, decidiram mantê-la todos os fins de semana. Surgia então uma das mais tradicionais rodas de rua do Rio de Janeiro, do Brasil e do mundo: a Roda de Caxias. Mestre Russo é o Zelador da Roda e Caxias, preservando a tradição, a ética e os fundamentos dessa que é uma das mais tradicionais rodas de rua do Brasil.

O projeto Rodas Ancestrais é realizado com recursos do Fundo de Apoio à Cultura do Distrito Federal e prevê oito apresentações até 2019, sempre na cidade de Samambaia. A edição de estreia foi realizada no dia 11 de outubro.

Serviço

Rodas Ancestrais – 5ª Grande Roda
Quando? Dia 23 de março, Sábado,10h-12h
Onde? Escola Classe 303 de Samambaia Sul
Classificação: Livre
Entrada Franca
Informações: 61 9.8132.7070

Comunidade de Capoeira Formigueiro de Angola
Mamulengo Presepada
Escola Cultural Capoeira Fio da Navalha
Casa Moringa
Samba de Roda CID Aroeira
e participação especial de Mestre Russo de Caxias – RJ

Rodas Ancestrais
Rodas Ancestrais | Foto: Marisa Mendonça
Anterior Dia Internacional da Síndrome de Down no JK Shopping
Próximo A literatura com propósito: mudança e reflexão