“Quando eu era pequeno” é de autor independente e foi lançando com a ajuda de financiamento coletivo 

“Quando eu era pequeno” é como normalmente todo mundo começa a contar uma história de infância. É também o título do livro de estreia do jornalista Morillo Carvalho, que reuniu 28 dessas histórias, buscando resgatar as sensações que aquelas memórias remetem a partir da perspectiva que ele mesmo tinha. Para o lançamento, o autor recorreu ao financiamento coletivo e conta com a participação do público.

“Lançar um livro é caro e o mercado editorial, hoje, já não arca mais com todos os custos de produção de uma obra – a não ser que você já seja um autor famoso. Por isso, a opção por bancar o lançamento, e oferecer o próprio livro como recompensa na vaquinha virtual”, conta Morillo.

O formato de autopublicações é, atualmente, a principal porta de entrada e novos autores no mercado editorial. Ele “arca” com os custos da obra, comprando um número determinado de exemplares da editora, e assegura que ela preste os serviços tradicionais: a edição do livro, a diagramação, a capa… E a do “Quando Eu Era Pequeno” já, de cara, desperta o que o autor pretende: uma leitura leve, para enfrentar esses tempos duros, marcados pela excessiva polarização e o desamor.

O livro foi sendo escrito ao longo dos últimos três anos, inspirado na leitura do “Nu, de Botas”, do Antônio Prata. O impacto daquela leitura fez com que o jornalista buscasse exercitar também as suas memórias. Agora, a expectativa é alcançar pelo menos a terceira meta da campanha de financiamento coletivo, de R$8 mil. “Como a campanha é tudo ou nada, criei uma meta inicial menor, que ainda impacta em arcar com parte significativa da publicação. Atingindo a terceira meta, o livro está pago”, conta. As recompensas são: o próprio livro em formatos físico e digital e até mesmo brigadeiros e beijos, para quem mora em Brasília.

O site para participar da campanha e adquirir antecipadamente o livro é https://benfeitoria.com/pequeno

Anterior 34º Ferrock Festival traz Sepultura e Tim Ripper Owens
Próximo