Projeto Samba de Bamba


O samba que vem do Sul na Caixa Cultural. Grupo curitibano Serenô faz seu primeiro show na capital

Pela primeira vez em Brasília, o grupo paranaense Serenô vai se apresentar no projeto musical Samba de Bamba dia 10 de novembro, terça-feira, às 20 horas, no Teatro da Caixa (SBS Quadra 4 Lotes 3 e 4 – Edifício anexo à matriz da Caixa). O quinteto musical de Curitiba, formado por Roseane Santos (vocal e percussão), Du Gomide (violão 7 cordas e voz), Manchinha (gaita ponto e voz), Gustavo Proença (percussão, trompete e voz) e Denis Mariano (percuteria), vai apresentar um repertório autoral baseado no samba e suas vertentes: maxixes, jongos, batuques, afoxés e lundus. Ingressos a R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia-entrada).

Há seis anos pesquisando e interpretando samba, o grupo Serenô conquistou um espaço importante no cenário musical da cidade de Curitiba. O desejo de fazer música, de qualidade, reuniu músicos vindos de várias vertentes. Assim, iniciou um trabalho de pesquisa de repertório e interpretação de sambas e batuques, tendo como foco principal os sambas antigos, desde partidos, passando pelo maxixe e chegando até os dias de hoje. Sempre com muitas misturas na poesia e na música.

O Serenô é um dos grupos que mais se destacou no cenário musical da cidade de Curitiba nos últimos anos – realizando mensalmente o “Baile do Serenô” todo primeiro sábado de cada mês. Os integrantes, além de exímios instrumentistas, são também compositores. Isso resultou num repertório de composições próprias, principalmente nos temas que falam da mitologia afro-brasileira. Não demorou muito e eles gravaram o primeiro CD Sereno em 2014, que tem a arte da mistura como fio condutor do trabalho.

Uma das principais influências do grupo é o baiano Roque Ferreira – um padrinho do Serenô – e que ofereceu para os músicos a canção “Chuva Fina” que ao lado dos sambas “Aguere” e “Saudação ao Serenô” (que foi trilha do seriado global As Brasileiras) foram consagradas pelo público nos bailes que eles promovem na capital paranaense.

A última atração do projeto Samba de Bamba 2015 é a cantora brasiliense Renata Jambeiro, no dia 8 de dezembro

Serviço

Samba de Bamba – Grupo Serenô no projeto Samba de Bamba na Caixa Cultural Brasília
Dia: 10 de novembro (terça-feira)
Local: Teatro da CAIXA (SBS Quadra 4 Lotes 3 e 4 – Edifício anexo à matriz da Caixa)
Horário: 20h
Ingressos*: R$20 (inteira) e R$10 (meia – conforme legislação e correntistas que apresentarem o cartão CAIXA)
*desconto de 50% para assinantes do Correio Braziliense, sobre preço de inteira mediante apresentação do cupom “Sempre Você”
Duração: 1h30
Classificação indicativa: 12 anos
Lotação: 406 lugares
www.caixa.gov.br/caixacultural

Repertório

1 – Banho D’água (Gusta Proença)
2 – Deserto de Algodão (Du Gomide)
3 – Chuva De Mar (Du Gomide)
4 – Atrás do Mar (Gusta Proença 5 – Giro de Peão – Du Gomide e Fernando Lobo)
6 – Flecha de Oxóssi (Gusta Proença e Du Gomide)
7 – Wenceslau e Azareno (Du Gomide)
8 – Quem Disse? (Du Gomide, Denis Mariano e Estrela Leminski)
9 – Da Caximba a Cachoeira (Gusta Proença)
10 – Aguerê (Gusta Proença e Leo Fé)
11- Passarinho Comeu Pedra (Érico Viensci)
12 – Esses Bandidos (Gusta Proença)
13 – Saudação ao Sereno (Gusta Proença e Du Gomide)
14 – Um Tempo a Mais (Evandro Cardoso e Zelito Ramos)

Anterior Pearl Jam no Mané Garrincha
Próximo Festa Mistura Fina