O projeto DE VER CIDADE – Brasília numa caixa de brincar é uma obra interativa que reinventa os espaços da cidade em caixas lúdicas e móveis, formando uma espécie de maquete criada gigante que pode ser manipulada pelas crianças. Por meio de uma topografia sensível, a obra abre espaço para o protagonismo da criança na composição de narrativas com a cidade de Brasília.

Nessa interação artística, as crianças poderão vivenciar experiências sobre as escalas da cidade patrimônio. A abertura será no mês do aniversário de Brasília e durante duas semanas contará com uma programação diversificada com trocas de saberes, mediações para escolas e atividades artísticas. A ação artística-educativa é realizada pelo Coletivo ENTREVAZIOS e conta com patrocínio do Fundo de Apoio à Cultura do Distrito Federal (FAC/DF) e parceria do Espaço Cultural Renato Russo.

COMO TUDO VAI FUNCIONAR?

A obra ocupará a Praça Central do Espaço Cultural Renato Russo, na 508 Sul, de 28 de abril a 12 de maio e aproveitará o mês do aniversário de Brasília para potencializar as interações das crianças com a cidade. Serão duas semanas com visitação gratuita e a expectativa é receber um público de, aproximadamente, 1000 pessoas, dentre elas crianças de escolas públicas (por meio de agendamento prévio) e o público espontâneo.

Para a criação do conceito de DE VER CIDADE – Brasília numa caixa de brincar foram pesquisadas referências estéticas das escalas da cidade patrimônio: monumental, gregária, residencial e bucólica.

Tomando as relações das escalas como ponto de partida do projeto, o Coletivo ENTREVAZIOS criou essa obra que potencializa as relações entre o corpo-criança e a cidade, a partir de dispositivos lúdicos e interativos. Nessa interação com a obra, a criança poderá criar e explorar novas formas de reinventar os territórios da cidade, criando a partir da brincadeira novas relações com a cidade.

A obra ocupará a Praça Central do Espaço Cultural Renato Russo, diminuindo as fronteiras entre a arte e o público, oportunizando ao transeunte novas possibilidades de fruir a arte.

QUEM FAZ?

O Coletivo ENTREVAZIOS é um grupo de multi-artistas sediado em Brasília. Atrizes, atores, performers, artistas plásticxs, maquiadores cenógrafxs, engenheiro e produtoras contribuem com seus trabalhos, ocupando as fronteiras entre as artes cênicas e visuais, com artistagens e intervenções que colocam o corpo em diálogo e co-criação com as poéticas da cidade. Atualmente, o grupo é formado por Luênia Guedes, Roberto Dagô, Maysa Carvalho, Gabriel Tomé e Thay Limeira.

DE VER CIDADE – Brasília, numa caixa de brincar

A obra permanecerá aberta ao público de 28/04 a 12/05 na Praça Central do Espaço Cultural Renato Russo – 508 Sul. Entrada Franca.

Terça a sábado (10h às 20h) e domingo (10h às 19h). Em alguns dias, haverá programação específica. Anote aí:

Domingo, 28/04
16h às 19h – Abertura da obra
17h às 18h30 – Mediação – Rolê Cultural (agendamentos antecipados)

Sexta, 03/05
15h às 17h – Troca de Saberes: (re)construindo territórios afetivos – vivência de mapa afetivo com Sônia Rampim e Paulo Peters – IPHAN

Domingo, 05/05
15h às 17h – Troca de Saberes: Construindo territórios de troca entre adultos e crianças. Mediado por Luciana Hartmann (UnB)

Quarta, 08/05
15h às 17h – Troca de Saberes: Transdisciplinaridade na arte com Sônia Paiva – Laboratório Transdisciplinar de cenografia – UnB

Sábado, 11/05
10h às 12h – Fruindo a obra com Coletivo ENTREVAZIOS – (agendamento antecipado)
15h às 17h – Desmontagem criativa da obra (agendamento antecipado)

FICHA TÉCNICA

Direção Geral – Luênia Guedes
Direção de Produção e Gestão Administrativa – Thay Limeira
Direção de Arte – Coletivo ENTREVAZIOS
Cenografia – Luênia Guedes, Roberto Dagô e Maysa Carvalho
Engenharia Artística – Gabriel Tomé
Trabalhos Técnicos – Neto Bauer
assistente técnico: Ramon Lima
Ilustração e Designer: Felipe Cavalcante e Gabriel Menezes (Estudio NOVA)
Assessoria de Imprensa: Josuel Junior
Programa Educativo: Mediato – Diálogo com Espectadores
Coordenação do Programa Educativo: Arlene Von Sohsten
Mediadoras: Nina Ferreira, Aila Beatriz, Danielle Dumoulin
Fotos e vídeos: Thaís Mallon
Realização: Coletivo Entrevazios
Patrocínio: Fundo de Apoio à Cultura – FAC/DF
Parceiro: Simplyfix – Sistemas de Identificação Visual e
Espaço Cultural Renato Russo
Apoios: UnB, LTC e IPHAN

Anterior Assista o trailer do filme "A Quarta Parede" que estreia dia 2/5
Próximo Um Louco dentro da Roupa no Teatro dos Bancários