Projeto Blues Brasil na Caixa


Grandes nomes do Blues vão se apresentar ca Caixa Cultural Brasília como Flávio Guimarães se apresenta sábado com o guitarrista Netto Rockfeller. No domingo é a vez do angolano Nuno Mindelis

Nos próximos dias 13 e 14 de fevereiro o projeto Blues Brasil traz à CAIXA Cultural Brasília grandes nomes do gênero. Na primeira noite do projeto, Flávio Guimarães, fundador da banda Blues Etílicos, apresenta seu álbum mais recente Nice and easy acompanhado do guitarrista Netto Rockfeller. No domingo, sobe ao palco o aclamado guitarrista Nuno Mindelis, angolano de origem portuguesa que mora no Brasil desde 1970. Os ingressos, a R$ 20 e R$ 10 (meia), começam a ser vendidos neste sábado (6) e os shows acontecem no sábado, 20h, e no domingo, às 19h.

Principal nome da gaita de blues no Brasil, Flávio Guimarães segue como membro da Blues Etílicos, com quem já gravou 11 álbuns, além de oito álbuns solo. O artista já gravou com Alceu Valença, Cássia Eller, Djavan, Ed Motta, Erasmo Carlos, Luiz Melodia, Paulo Moura, Renato Russo, Rita Lee, Titãs, Zeca Baleiro e Zélia Duncan, entre outros. Além de já ter dividido o palco com grandes ícones do blues americano, como Buddy Guy, Taj Mahal e Charlie Musselwhite, Flávio fez shows de abertura para B. B. King e Robert Cray.

No projeto Blues Brasil, o artista terá a companhia do guitarrista Netto Rockfeller, que tem formação eclética e vem conquistando respeito na cena do blues nacional ao apresentar o estilo acompanhado dos mais diversos ritmos brasileiros. A dupla apresentará canções como Checkmate, Down the hill no brakes, Big Walter e Jungle heat, resultado do primeiro álbum dessa parceria, intitulado Nice and Easy. Recheado de composições próprias dos artistas, o álbum será apresentado pela primeira vez em Brasília.

Um dos expoentes da guitarra atualmente, o angolano Nuno Mendels veio para o Brasil ainda muito jovem, em meados dos anos 1970, fugindo da guerra civil. Suas influências estão evidentes no colorido de expressividade de sua música. O artista, que já foi comparado ao mítico Jimmy Page pela revista Guitar Player, é figura constante nos maiores festivais do gênero mundo a fora, tendo tocado com gigantes do blues como Jimmie Vaughan e Double Trouble. No Teatro da Caixa o angolano apresenta Angels & clowns, Miss Louise, Blues in my cabin, Shake it, In trouble e Dana´s song, entre outras obras do seu trabalho mais recente, o álbum It’s all about love.

Serviço

Blues Brasil
Local: Teatro da CAIXA (SBS Quadra 4 Lotes 3/4)
Dias: 13 e 14 de fevereiro de 2016
Hora: sábado, às 20h; domingo, às 19h
Classificação Indicativa: não recomendado para menores de 12 anos
Duração: 90 minutos
Ingressos: à venda a partir de 6 de fevereiro | R$ 20 e R$ 10 (meia)
Meia-entrada: estudantes, professores, funcionários e clientes CAIXA, pessoas acima de 60 anos e doadores de 1kg de alimento não perecível.
Bilheteria: de terça a sexta e domingo, das 13h às 21h, e sábado, das 9h às 21h. Contato: (61) 3206-6456
Lotação do teatro: 406 lugares (8 para cadeirantes).
Patrocínio: CAIXA e Governo Federal
Contato: Rodrigo Machado | 61 8654-2569 | drigo.machado@gmail.com
Acesso para pessoas com deficiência e assentos especiais

* A CAIXA Cultural Brasília estará fechada para visitação nos dias 8 e 9 de fevereiro, por conta do carnaval. No dia 10 o espaço reabre com horário normal de funcionamento, de terça a domingo, das 9h às 21h.

Anterior Show do Bita no Teatro da UNIP
Próximo Super Bowl ao vivo no Pier 21