De Porto Alegre para o mundo: a 22ª edição de Porto Verão Alegre acontecerá entre os dias 29 de maio e 22 de junho. A venda de ingressos para os 25 espetáculos acontece pelo site www.portoveraoalegre.com.br

Há mais de duas décadas, as ruas vazias no verão de Porto Alegre inspiraram o nascimento do nosso festival. Foi quando um grupo de artistas se fez presente pela primeira vez, com o objetivo de movimentar a cultura local e ocupar os teatros da cidade, em uma época do ano pouco aproveitada. Nasceu o Porto Verão Alegre que, aos poucos, se expandiu para além da Capital, levando seu propósito a diversas regiões do Estado.

Hoje, novamente, vemos ruas vazias. Mas, desta vez, o motivo é outro – mais triste, grave, preocupante. Não podemos lotar teatros, ir a shows, respirar a arte de perto. Ao menos não da forma que costumávamos fazer. Por isso, depois de 21 verões, chegamos à nossa 22ª edição nos reinventando para estar, mais do que nunca, presentes. Este ano, o Porto Verão Alegre será 100% online, com transmissões através da plataforma ShowIn – e no inverno.

O conceito da edição de 2021 do festival multicultural privado que definitivamente mudou o verão gaúcho desde sua idealização há duas décadas, liderado pelos atores e produtores Rogério Beretta e Zé Victor Castiel, é “22 anos Presente”. Em mais uma edição diferente, o PVA 2021 acontecerá entre 29 de maio e 22 de junho e reunirá 25 espetáculos. Seis se apresentarão pela primeira vez: A Espessura da Vida, Com amor – Chico Xavier, Curiosa Mente, De Profundis – Epistola em Carcere et Vinculis, Preta no Branco – O Show e Protocolo Sexual Pandêmico.

“É um desafio imenso tentar reinventar o poder que a presença tem na relação entre público e artistas. Mesmo assim, encaramos como uma oportunidade de chegar ainda mais longe, atingir mais pessoas. Assim, celebramos outra vez aquela que no último ano se consagrou como companheira essencial e inestimável de todos nós: a cultura”, declaram Rogério Beretta e Zé Victor Castiel.

Compra de ingressos

Os ingressos para assistir aos 25 espetáculos custam R﹩9,90 (não há meia entrada). Informações sobre a programação e compra de ingressos estão disponíveis no site do festival: www.portoveraoalegre.com.br.

Transmissão

As imagens dos espetáculos serão captadas nos palcos do Teatro do Centro Histórico-Cultural Santa Casa e do Theatro São Pedro, e serão transmitidas pelo site https://www.showin.tv . A transmissão online do Porto Verão Alegre, pela primeira vez em sua história, levará a arte gaúcha para todos os lugares do mundo.

O ShowIn é uma plataforma online lançada no segundo semestre de 2020 pelo cantor e compositor Orlando Morais, ao lado do empreendedor e investidor Dio Trotta, a fim de responder de forma inovadora a um novo hábito que surgiu com o isolamento social impulsionado pelo cenário pandêmico: a explosão orgânica de lives.

A plataforma apresenta ao vivo grandes e pocket shows, teatro, poesia, palestras, stand up comedy, aulas de gastronomia, de yoga, meditação, dança, espetáculos infantis, esportes, e outros estilos. As transmissões por streaming são acessíveis pelo site , em qualquer computador ou tablet. Também pelo celular, através dos aplicativos disponíveis na Apple Store e no Google Play (IOs – https://bit.do/Showin-IOs Android – https://bit.do/Showin-Android) .

Programação gratuita e Acessibilidade

Nesse novo formato do PVA 2021, atrações gratuitas poderão ser conferidas nas redes sociais do festival, no Facebook e no Instagram. Entre as atrações estarão lives semanais com o objetivo de discutir a produção artística neste cenário pandêmico, com participação de artistas que integram a programação do festival, e uma programação infantil .

A tradicional parceria com a Sigmund Freud Associação Psicanalítica permanece nesta edição. Intitulada de Div(ã)gando com Arte, uma série de lives reunirá psicanalistas e artistas para debater sobre cinema, teatro, literatura infantil, música e sua relação com a psicanálise.

Nesta edição, a doação de ingresso que o festival faz para instituições de assistência social, escolas e centros comunitários acontecerá por meio do compartilhamento do link da gravação dos espetáculos. Organizações interessadas podem entrar em contato pelo e-mail claudia@portoveraoalegre.com.br .

Outras contrapartidas sociais do festival são a realização da oficina “A Gente Que Fez – Oficina de teatro e design básico para crianças. A brincadeira como performance”. A atividade será mediada por Lisiane Medeiros, atriz, diretora, educadora e dramaturgista. Inscrições e informações estão no site do Porto Verão Alegre.

Outra ação é a disponibilização, para escolas e no Facebook do festival, da história do Peter Pan, através da iniciativa de contação de histórias “Contos da vovó Zéti”, conduzido pela atriz e diretora Suzi Martinez. Neste projeto, ela resgata o clássico na figura de uma avó que encontra as histórias em antigos livros de seu galpão e traz vida aos personagens mesclando narração e teatro de sombras. A gravação do conto “Peter Pan”, de James Matthew Barrie, por meio do projeto contação de história “Contos da vovó Zéti”, contará com audiodescrição* e libras.

O festival oferecerá diversas sessões com tradução em libras ou com audiodescrição* dentro de sua grade de programação. São elas:

• Os Palhaços de Tchekhov terá tradução em libras na sessão de 11 de junho;

• Frida Kahlo, à Revolução! será com audiodescrição e libras na sessão de 21 de junho;

• Pq Casamos?! será com audiodescrição e libras nas sessões de 09 de junho às 10h, 16h e 18h. E nas sessões de 10 e 11 de junho às 10h e 16h;

• Protocolo Sexual Pandêmico terá audiodescrição na sua sessão de 20 de junho;

• Que Raio de Professora Sou Eu? terá tradução em libras nas suas sessões de 01 de junho às 10h, 16h e 18h. E nas sessões de 02 e 03 de junho às 10h e 16h.

* Audiodescrição é um recurso de acessibilidade que traduz imagens em palavras para pessoas com deficiência visual, que também contempla pessoas com deficiência intelectual, disléxicas e idosos com baixa acuidade visual. Em produtos audiovisuais, como na TV e na Web, consiste em uma faixa de áudio extra com a narração descritiva de informações relevantes das cenas, com o intuito de ampliar o entendimento deste público. Em eventos ao vivo, a audiodescrição é realizada como a tradução simultânea, por meio de equipamentos, e por apps de tecnologia assistiva.

O PVA 2020 usará as hashtags #PVA22anospresente #portoverãoalegre #pva2021 #pordiasmelhores #teatro #teatrogaucho #teatroemcasa #culturanaquarentena #portoalegre #cultura para estimular o compartilhamento de momentos e informações via página do Facebook https://www.facebook.com/portoveraoalegre e Instagram no @portoveraoalegre.

O 22º Porto Verão Alegre tem a apresentação de Ministério do Turismo, Lei de Incentivo à Cultura e Vero, patrocínio de Corsan, Banco DLL, Sulgás, Zaffari e Grupo RBS. Apoio de BRDE, Mesasul, Panvel e Bravo. Realização Secretaria Especial da Cultura, Ministério do Turismo, Governo Federal, Pátria Amada Brasil.

Sobre o Porto Verão Alegre:

Criado em 1999 e realizado pela Mezanino Produções, o Porto Verão Alegre se tornou um dos maiores e mais representativos festivais multiculturais do país. Tradicionalmente, é realizada anualmente em Porto Alegre e região metropolitana durante os meses de janeiro e fevereiro. Nos últimos anos, o projeto foi contemplado com o “Prêmio Eva Sopher”, pelo fomento das artes em nosso Estado, e “Prêmio Líderes e Vencedores da Federasul”, na categoria Expressão Cultural, reforçam todo o empenho em elevar a cultura do Rio Grande do Sul a outro patamar.

💬
ACESSE E DIVULGUE NOSSA PÁGINA DE FINANCIAMENTO COLETIVO DA REVISTA E SITE AQUI TEM DIVERSÃO 👇
Anterior Karen Silva, violinista faz campanha para mestrado
Próximo Orlamundo, documentário 🎥 premiado de Orlando Morais