Bar queridinho localizado no bloco B da 408 Norte, o Pinella, está com novo menu. Os desafios criados pela pandemia gerou uma parceria com a La Pastora Gastro Combos. A cozinha é comandada pelo chef venezuelano, Miguel Ojeda e pela sua sócia, Isabela Siqueira. A produção, 100% artesanal, é uma síntese da gastronomia latino-americana e já está dando o que falar.

Para petiscar e curtir aquele happy hour que o Pinella sabe proporcionar, peça: parrillas a la plancha – grelhados ao sabor latino, com tomate cereja e cebola roxa, servido com papas (batatas) a La Pastora e chimichurri andino. Tem de filé mignon (R$ 55); filé de peito de frango (R$ 38); linguiça artesanal suína ou de frango (R$ 38); vegetariana, com cogumelos frescos, cubos de abobrinha, cebola roxa, e tomate cereja; e a mista (R$ 65), com filé mignon, peito de frango e linguiça artesanal suína ou frango.

Para os apaixonados por ceviche, preparem-se. Ojeda já ficou em 3º lugar no concurso da embaixada do Peru pelo melhor ceviche de Brasília e incluiu a iguaria no cardápio. Tem o clássico, com tilápia e o de cogumelos. Marinados no leite de tigre e servidas com cebola roxa, coentro, pimenta dedo-de-moça, dados de batata-doce cozida com especiarias e milho crocante. Custam R$ 30 cada.

O que promete fazer sucesso e tem receita autoral é o taco cochinito a la naranja (R$ 14 – tortilha de trigo coberta com pernil suíno assado no suco de laranja, sour cream, picles de rabanete e salsa criolla). E, ainda, a quesadilla (sanduíche de tortilha de trigo na chapa, recheado com queijo e: chili con carne (R$ 25), pollo al horno (R$ 20 – frango assado à moda latina), cochinito a la naranja (R$ 32 – pernil suíno assado no suco de laranja), vegetariano (R$ 25 – com cogumelos salteados) e o chili vegetariano (R$ 18 – com feijão).

Você também pode montar o seu combo. Entre as opções, chili de feijão com carne moída e pernil suíno no molho de tomate da casa, finalizado com queijo gratinado (R$ 29); chili vegetariano de feijão no molho de tomate da casa, com cogumelos salteados, finalizado com queijo gratinado (R$ 20); guacamole, abacate, cebola, tomate e coentro (R$ 15); sour cream (R$ 5), creme de leite aerado com gotinhas de limão; paté de rocoto (R$ 11), uma exclusiva pasta criada pelo chef Ojeda, preparada com pimentão vermelho assado, cebolas e alhos confitados, amendoim e pimenta de la abuela; pico de gallo (R$ 5), molho de pimentões coloridos picados, cebola roxa, cebola e tomate finalizado com azeite e vinagre e tortilhas chips (R$ 12 grande e R$ 8 média) e de trigo (4 unidades R$ 5).

Permanecem no menu alguns clássicos servidos no Pinella, mas com aquele toque latino do chef Miguel. Como: a Gláucia (R$ 32 – Isca de filé de frango, empanado com panko e gergelim preto. Escolha 2 molhos de sua preferência), a Fernanda (R$ 38 – Mix de linguiça artesanal suína e de frango, grelhada, com um molho de sua preferência), o pincho de carne (R$ 27 – espetinho de filé mignon, tomate cereja, pimentão e cebola, servido com farofa de cebola e “pico de gallo”) e as Papas a La Pastora (R$ 14 250g e R$ 19 350g – batatas fritas temperada com sabor latino. Acompanha 1 molho). Tem tudo isso e muito mais!

Depois de aguar com todas estas delícias, não demore e vá degustar essa gastronomia riquíssima acompanhada de um bom drink, cerveja gelada e/ou espumante Pinella. Lá, o ambiente é aberto, arejado e segue todas as normas de segurança contra a COVID-19.

Seguindo o atual decreto de funcionamento, o Pinella está aberto de segunda a sexta-feira, das 17h às 24h e sábado, das 16h às 23h, com música todos os dias. Pinelle-se! Para mais informações, siga: https://www.instagram.com/pinella408norte

Pinella

Local: CLN 408, Bloco B, Loja 20 – Asa Norte
WhatsApp: (61) 3347 8334
Horário de funcionamento: Segunda a sexta-feira, das 17h às 24h. Sábado, das 16h às 23h. Domingo fechado
Instagram e Facebook: @pinella408norte

💬
ACESSE E DIVULGUE NOSSA PÁGINA DE FINANCIAMENTO COLETIVO DA REVISTA E SITE AQUI TEM DIVERSÃO 👇
BOTÃO DE APOIO 👇

Anterior Thermas Water Park 🛄 tem programação especial de férias
Próximo Dia Mundial do Chocolate: 🍫 quatro receitas leves para data