Projeto Pavilhão Luz traz grandes atrações para Brasília. Ludmilla, Lenine, Raça Negra, Iza, Ferrugem, Rael e Yuri Martins, estão entre as atrações já confirmadas

O projeto, denominado Pavilhão Luz, terá início dia 16 de novembro e vai se estender até o dia 22 de dezembro. Em formato de festival, o evento vai acontecer no Pavilhão de Exposições do Parque da cidade, trazendo shows e festas em todos os finais de semana, além de outras ativações culturais, como exposições de arte, games, debates e performances artísticas. A venda de ingressos será aberta nesta terça-feira, dia 22.

“O Pavilhão Luz está sendo criado para ser um dos maiores projetos de temporada de Brasília” afirma Pedro Batista, sócio diretor da Influenza Produções. “A proposta é trazer diversas atrações nacionais e locais de variados gêneros musicais. Com diversidade cultural, atividades gratuitas e pagas para diferentes perfis de entretenimento, a ideia é criar um espaço conceitual e acolhedor para as pessoas que procuram luz no período chuvoso de Brasília”, destaca.

Lenine
Lenine | Foto: Rogério Von Kruger

A união de estrelas nacionais e grandes artistas locais vai abrilhantar a capital federal em uma maratona de shows, música e arte! As primeiras atrações divulgadas são: Ludmilla, Iza, Lenine, Raça Negra, Ferrugem, Yuri Martins, Mc G15, Gabriel do Borel, Rael, Papatinho, WC no Beat, Tropikillaz, Dubdogz, Tucho, Dj A e Dj Mojjo. Outros artistas, nacionais e locais, que também estarão no line-up do Pavilhão Luz serão reveladas em breve. São mais de 60 atrações e mais de 100 horas de música.

Pavilhão

Parte do maior parque urbano da América Latina, o Pavilhão de Exposições do Parque da Cidade é composto por uma área de 51 mil m². Um espaço que Brasília já conhece, agora sob uma nova perspectiva. Para a realização do festival, o local será revitalizado com pintura e reforma dos banheiros, correção de danos existentes no piso, reativação dos espaços de serviços, poda da grama, limpeza do estacionamento, reforma da entrada, entre outras melhorias. “Queremos ressignificar a cidade e seus espaços, criando um ambiente de experiências e conexões para as pessoas”, ressalta Pedro Batista.

Um projeto que além de melhorar o local trará vida a ele, com um ambiente criado para conectar 50 mil pessoas através de cultura e entretenimento. O evento também terá exposições de arte, projeções e performances artísticas, área de games, flash tattoo, feira de empreendedores, praça de alimentação, entre outras ativações.

De 16/11 a 22/12 a capital viverá uma temporada inesquecível. As informações sobre o evento estão disponibilizadas no site: https://www.pavilhaoluz.art/ e no perfil do instagram @pavilhaoluz

Anterior Confira a programação cultural desta semana no Dolce
Próximo Um cara qualquer é finalista do Prêmio Jabuti na categoria Capa