Betty Faria, Boni, Regina Duarte e outros nomes da TV estão no segundo episódio de Os Campeões de Audiência. Edição inédita vai ao ar nesta quinta-feira (24/9), a partir das 22h15, na TV Cultura

O segundo episódio de Os Campeões de Audiência, série da TV Cultura que homenageia os 70 anos da televisão brasileira, vai ao ar nesta quinta-feira (24/9). Na edição, a censura nos anos 70, a presença da mulher nos programas televisivos, a responsabilidade social da televisão e a guerra pela audiência. José Bonifácio de Oliveira Sobrinho, o Boni, Paulo Markun, Betty Faria, Regina Duarte, Astrid Fontenelle e outros nomes da televisão estão no inédito que é exibido a partir das 22h15, na TV Cultura.

Na produção, o jornalista e ex-presidente da TV Cultura Paulo Markun fala sobre a década de 70 e os acontecimentos com o jornalista Vladimir Herzog. Boni acrescenta dizendo que “um dos grandes dramas da nossa vida foi o período em que nós estivemos submetidos à censura”. Betty Faria, que daria vida à Viúva Porcina em Roque Santeiro, ainda menciona que foi um período vivido cegamente. A novela da Rede Globo, na qual a atriz estaria presente, foi censurada dias antes da possível estreia em 1975.

Sobre a presença da mulher na televisão, Regina Duarte diz que ouviu muitas vezes que mulheres foram proibidas de assistir aos programas televisivos. E Astrid Fontenelle afirma que “somos porque uma [mulher] lá meteu o pé na porta e começou a fazer”.

Sobre a série

A produção, dirigida por Henrique Bacana conta com a participação de mais de 70 grandes nomes que fazem parte da história da televisão, como Lima Duarte, Betty Faria, Laura Cardoso, Tony Ramos, Nilton Travesso, Jayme Monjardim, Regina Duarte, Ernesto Paglia, Tino Marcos, Sergio Motta Mello, Zeca Camargo, Astrid Fontenelle, Marcelo Tas, Rolando Boldrin, Tiago Leifert, Washington Olivetto, Angélica, Tais Araújo, Ney Latorraca, Pedro Bial, Nizan Guanaes, Lucélia Santos, Carlos Alberto de Nóbrega, José Luiz Datena, Ratinho, Xuxa, Silvio de Abreu, Susana Vieira, José Bonifácio de Oliveira Sobrinho, o Boni, entre muitos outros.

A série tem o objetivo de celebrar todos aqueles que empenharam talento, criatividade e suor para fazer dela, a TV, uma das melhores do mundo: atores, diretores, dramaturgos, jornalistas, músicos, produtores, narradores, atletas e outros. “Um telefone sem fio se estabelece em uma conversa envolvente de uma história de todos os campeões de audiência”, afirma Bacana.

Anterior MPB e Samba na programação do Na Venda
Próximo Encontro tropical com Nando Reis e Duda Beat em live