Ópera L’Orfeo, de Claudio Monteverdi, na Semana da Música da Escola de Música de Brasília

História de amor de Orfeu e Eurídice será apresentada de graça nesta sexta-feira, às 16h, na Escola de Música de Brasília (602 Sul – L2).

A bela história de amor de Orfeu e Eurídice ganhou os palcos em 1607, com a ópera de Claudio Monteverdi (1567-1643). No entanto, ela é mais atual do que nunca. Principalmente por ter sido considerada a primeira obra prima do gênero.

Para resgatar o mito, As professoras Érika Kallina e Maria Lúcia Rosa irão apresentar, junto com alunos e mestres do Opera Studio da Escola de Música de Brasília, a ópera L’Orfeo, com 1 hora de duração. O espetáculo fará parte da programação da Semana da Música nesta sexta-feira, 22 de novembro, às 16h, no Teatro da Escola de Música de Brasília (602 Sul – L2). Entrada franca. Não recomendado para menores de 10 anos.

“L’Orfeo é o mais antigo exemplo de síntese bem-sucedida do que se define uma ópera. A obra oscila entre esperança e desespero, louvor e lamento. A história conta a tentativa de Orfeu de resgatar a sua amada Eurídice do reino dos mortos”, afirma a diretora Érika Kallina.

No palco, as professoras contam com uma equipe de quase 20 artistas que cantarão em italiano, mas com legenda garantida para o entendimento. “Temos ainda, cravo sendo tocado ao vivo. Este é um instrumento raro, mas que foi muito usado no passado”, destaca Érika.

A ópera já teve 3 récitas, todas com o teatro lotado, neste mês e esta será sua última apresentação.

Sinopse

Orfeu, músico e cantor, filho de Apolo e Calíope, casa-se com sua amada, a ninfa Eurídice. Porém, logo após o casamento, acontece uma tragédia. Eurídice morre picada por uma cobra. Orfeu, desconsolado, vai às profundezas da terra, ao reino de Hades, para resgatá-la, levando sua lira que encantava até os animais selvagens quando Orfeu a tocava.

Hades e sua esposa se apaixonam com a música de Orfeu e resolvem devolver Eurídice ao seu amante, mas com uma condição: que ele não olhasse para ela até que chegassem ao mundo superior. Ao sair do mundo dos mortos e desconfiado do acordo com o Deus do mundo inferior, Orfeu, no entanto, olha para trás para conferir se sua amada o seguia. Com a desobediência, Eurídice é novamente levada ao mundo dos mortos, sem previsão de volta.

Serviço

Ópera L’Orfeo, de Claudio Monteverdi, na Semana da Música da Escola de Música de Brasília
DATA: 22/11 – Sexta-feira
Horário: 16h
• Entrada Franca
LOCAL: Teatro da Escola de Música de Brasília (602 Sul)
INFORMAÇÕES:
Prof ª Érika Kallina – 99119-0870
Não recomendado para menores de 10 anos.

Anterior Evento reúne 10 mil jovens para ações sociais no DF
Próximo Ticiana Werner recebe vinícola para jantar harmonizado