Novo livro do Irelgov “O povo no poder”, aborda participação da sociedade nas decisĂ”es do governo

O Instituto de RelaçÔes Governamentais (IRELGOV) lança seu mais novo livro: “O povo no poder”, por meio da Editora DiĂĄlogos do IRELGOV. A obra aborda o aumento da participação da sociedade nas decisĂ”es do governo e as diversas formas usadas na manifestação da vontade popular. Neste primeiro momento, o tĂ­tulo estarĂĄ disponĂ­vel na versĂŁo e-book, na Amazon, e na plataforma GooglePlay Livros.

Diversos profissionais de relaçÔes governamentais, acadĂȘmicos especialistas no tema e representantes do terceiro setor assinam artigos do livro O povo no poder: Adriana de Andrade EspĂ­ndola, AndrĂ©a Gozetto, Bianca Gomes, Bianca Maria Gonçalves e Silva, Eduardo GalvĂŁo, Érico Oyama, Fernanda Mainier Hack, Francisco Roberto Balestrin de Andrade, Luis Enrique Aguilar, Maria CecĂ­lia Cury Chaddad, Michael Freitas Mohallem, NatĂĄlia Bahury, Noemi Araujo Lopes e Tacyra Oliveira Valois Nery. O conceito de democracia participativa estĂĄ cada vez mais presente no cotidiano brasileiro, em especial apĂłs a criação, pela Constituição Federal de 1988, de instrumentos para seu exercĂ­cio efetivo.

Organizado por Ângela Oliveira, Julia Vianna e Mariana Chaimovich, o livro traz discussĂ”es, reflexĂ”es e exemplos de como a sociedade civil organizada tem buscado criar e ocupar seus prĂłprios espaços. Advogados, cientistas polĂ­ticos, professores, pesquisadores e profissionais de relaçÔes governamentais se debruçaram sobre o tema e apresentaram estudos de casos que ilustram as soluçÔes encontradas pelos mais diversos segmentos para que se façam ouvidos. Desta forma, a obra pretende contribuir para democratizar as ferramentas de atuação, dar ampla comunicação Ă s iniciativas e incrementar a transparĂȘncia sobre as açÔes de influĂȘncia da iniciativa privada junto ao poder pĂșblico.

O povo no poder
Capa do livro O povo no poder | Imagem: Ilustrativa

O leitor encontrarĂĄ relatos sobre a atuação do terceiro setor em defesa de suas causas; tambĂ©m verĂĄ exemplos concretos de ocupação de espaços pĂșblicos de decisĂŁo pela sociedade civil organizada, como no caso de um grupo de mulheres, mĂŁes e advogadas que uniu esforços e mobilizou grupos de pressĂŁo em torno da criação de regulamentação para a rotulagem de alimentos alergĂȘnicos no Brasil. Em outro texto, Ă© descrita a atuação de uma associação setorial patronal do segmento hospitalar em seu processo de mapeamento, consolidação e anĂĄlise de contribuiçÔes de dezenas de partes interessadas para a elaboração de propostas para melhoria do sistema de saĂșde pĂșblica no estado.

Pretende-se que esta obra coletiva contribua para a formulação de polĂ­ticas pĂșblicas mais condizentes com os anseios da sociedade, e que esta se sinta cada vez mais empoderada e efetivamente engajada a pleitear mudanças que supram suas necessidades nos mais diversos setores.

Sobre a Editora DiĂĄlogos

A Editora DiĂĄlogos Ă© um selo editorial do IRELGOV que busca estimular a produção de publicaçÔes tĂ©cnicas sobre temas relacionados Ă  atuação do profissional de relaçÔes governamentais e o diĂĄlogo transparente entre os setores pĂșblico e privado. Com o intuito de garantir a qualidade das publicaçÔes da editora, foi criado um comitĂȘ cientĂ­fico composto por profissionais mestres e doutores para a revisĂŁo entre pares dos projetos editoriais e dos artigos que os compĂ”e.

Sobre o IRELGOV

O IRELGOV Ă© o primeiro think tank de relaçÔes governamentais do Brasil, composto por pessoas fĂ­sicas e jurĂ­dicas, preocupadas em elevar a competĂȘncia e padrĂ”es Ă©ticos do setor. Os associados desenvolvem projetos e publicaçÔes, aumentando sua visibilidade e reconhecimento dentro e fora do Instituto. O IRELGOV acolhe e valoriza ideias, experiĂȘncias e conhecimento dos profissionais de RIG (RelaçÔes Institucionais e Governamentais), criando o ambiente necessĂĄrio para a construção de relacionamentos.