DF Plaza apresenta narração de histórias. Programação infantil é realizada quinzenalmente aos sábados, às 15h, na Praça Central do Mall

O mês de fevereiro já começa animado para a criançada no DF Plaza Shopping, em Águas Claras. Com uma programação infantil diversificada, o mall promove narração de histórias comandada pela professora e comunicadora Nyedja Gennari no dia 1º de fevereiro, às 15h, na Praça Central do Mall. A programação de histórias é realizada sempre aos sábados e segue em formato quinzenal.

A narradora conta histórias da escritora Rose Costa e lançamento dos novos livros da escritora: O quintal do vovô Vidal e Quanto vale seu sorriso. Nyedja Gennari utiliza figurinos, cenários e bonecos de pano para uma encenação mais rica em detalhes, que chamem a atenção e estimulem a interatividade dos pequenos com a história contada. Matogrossense de Cuiabá, Nyedja passou pelas salas de aula de escolas particulares e públicas de Brasília, onde lecionou e hoje leva as histórias por todas as regionais de ensino do Distrito Federal.

O DF Plaza investe em uma programação cultural lúdica para as crianças, com o intuito de aproveitar o período de férias para promover entretenimento e ao mesmo tempo a interação, a brincadeira e o aprendizado em um ambiente que possam exercitar sua linguagem e habilidades corporais.

A programação de brincadeiras no DF Plaza segue a todo vapor. Na Praça Central, a criançada também pode aproveitar o Espaço Recreativo com brinquedos infláveis, pula-pula, cama elástica, piscina de bolinhas, uma mini-roda gigante e espaço para desenhos, até o dia 22 de fevereiro.

DF Plaza Shopping

Narração de histórias no DF Plaza com Nyedja Gennari
Quinzenalmente aos sábados, às 15h, na Praça Central. Entrada Franca
Horário de funcionamento do shopping
De segunda a sábado, das 10h às 22h
Domingo, das 14 h às 20h lojas e das 12h às 22h alimentação
Rua Copaíba, – Águas Claras
Livre para todos os públicos
Informações: 3451-5750
http://www.dfplaza.com.br/

Anterior Shows das bandas Ellefante, o Tarot e Haynna e os Verdes
Próximo Documentário paraense na mostra do Festival de Berlim