Matheus Granjeiro sempre foi um apaixonado por música. Aos três anos, já demonstrava interesse por diversos instrumentos. Impulsionado pelo gosto musical do pai, José Wilson Granjeiro, que apresentou artistas e bandas como Michael Jackson, Phil Collins, Eagles e Pink Floyd ao filho, Matheus logo aprendeu a tocar piano, bateria, violino, saxofone, violão, baixo, banjo e guitarra, sendo este último instrumento o que mais tem afinidade. Mesmo estudando Direito e Psicologia, não teve jeito. Fã declarado de rock, Mash, nome artístico do músico, se dedicaria à música.

Hoje com 25 anos, mora em Los Angeles desde 2017, onde estuda música na Musicians Institute. Foi na cidade americana que Mash conheceu seus companheiros da banda Steep Gradient, o também brasileiro Carlos Almeida e o americano Mason Young. Juntos, o trio lançou em junho o seu single de estreia. Mash é o cantor e segundo guitarrista da banda. Também gravou baixo, banjo e violão dobro no single.

“Somebody else” conta a história de um relacionamento conflituoso que terminou sem que o casal, ou ex-casal, tivesse a chance de superar seus desencontros. Na música, é possível identificar as referências musicais de Mash, autor da música, como Eagles, Johnny Cash, Lynyrd Skynyrd e outros grandes nomes do country rock. “Sempre gostei de compor e produzir música. Desde pequeno eu já sonhava com esse momento em que teria uma banda com minhas próprias canções de rock. Esse dia chegou e a sensação de realizar esse sonho é muito gratificante”, conta Mash.

Após a pandemia de Covid-19, Mash, que atualmente está em Brasília com a família, pretende voltar aos estúdios americanos para finalizar o EP, que contará com seis músicas. “A ideia é que, assim que possível, a gente lance o álbum e comece a agenda de shows de divulgação nos Estados Unidos, no formato que for possível. Quem sabe em um segundo momento não trazemos o show para Brasília e outras cidades do Brasil?”, antecipa Mash, que ainda deve lançar dois singles solos antes de voltar para Los Angeles.

Ouça “Somebody else” nas plataformas digitais:

Spotify: open.spotify.com/track/5tAoFnWNQ1ttKuiGUbZo78?si=6S83wkNmRISuR21me1TCiA
iTunes: https://music.apple.com/us/album/somebody-else-single/1515833660?uo=4&app=itunes
Deezer: https://www.deezer.com/us/album/151317942
Amazon: https://www.amazon.com/gp/product/B089CQ4SV3
YouTube: youtube.com/watch?v=_f6ZFp5odLc
Bandcamp: https://officialsteepgradient.bandcamp.com/track/somebody-else
Soundcloud: https://soundcloud.com/steep-gradient

Conheça os trabalhos solos de Mash

youtube.com/watch?v=GaUllBMjqI0
open.spotify.com/track/0YPGGpgcQd2wBF0tMIlLZ2?si=_z1_tmsoTsGxZvyi4ELmkQ

Siga a Steep Gradient e Mash nas redes sociais:

instagram.com/officialsteepgradient
instagram.com/mashofficialmusic
facebook.com/officialsteepgradient
facebook.com/mashofficialmusic/

Confira a letra e a ficha técnica de “Somebody else”

Verse 1

You’ve told me many times before
That this will never work
I’ve tried and tried to win you over
But you always have that smirk on your face
Nothin’ and no one can ever erase
Giving me that same ol’ story

Chorus 1
Hey
Girl, I’m leaving and I’m not coming back
‘Cause I can see myself can see myself with somebody else

Verse 2

You and your long blond hair
Looking always fine as hell
Casting all your magic spells
Not fallin’ for it anymore
If you were keeping score, huh
Just know that you won’t no more

Chorus 2
Hey
Girl I’m leaving and I’m not coming back
Cause I can see myself can see myself with somebody else

Bridge:

Girl: So all this time you thought you were better?
Guy: Better than who? You? Of course I was.
You were so toxic, what else do I have to tell you?
Girl: You were the one that was toxic.
Guy: How was I toxic? Every time you wanted something else.
Some different version of me. You never thought I was enough.
Girl: Yeah, you’re right, nothing was ever enough.
How could it be? You never got up your lazy ass and
your selfish ways.
Guy: Me? How could I?
Girl: Yeah, you, the entire relationship was you and your stupid demands.
Guy: Yeah, ok, me and my stupid demands you & your own illusions.
Let me tell you one thing, wake up, grow up, ‘cause right now
you only want a relationship with yourself.

Chorus 3
Hey
Girl, I’m leaving and I’m not coming back
‘Cause I can see myself can see myself with somebody else
‘Cause I can see myself can see myself with somebody else

Matheus Granjeiro (Brasília, DF) – vocalista e segunda guitarra
Carlos Almeida (Fortaleza, CE) – primeira guitarra
Mason Young (Austin, TX) – bateria
Eric Gorza, Guilherme França e Victor Nery – produção e gravação
Paul Pavão – mix
Maurício Gargel – masterização

Anterior Referência Galeria de Arte dá início ao Conversa | Online
Próximo FLIPOP voltado para o público jovem terá edição online