Projeto audiovisual traz formação original dos primeiros shows do músico e contempla 14 faixas que serão lançadas às segundas, quartas e sextas no YouTube

Após lançar em outubro ” Feito Pra Acabar – 10 anos“, versão deluxe do primeiro álbum de sua carreira, Marcelo Jeneci preparou mais uma surpresa para os fãs. O artista apresenta também pelo slap – selo da Som Livre -, o projeto audiovisual “Feito Pra Acabar – Ao Vivo”.

Contemplando 14 faixas – 13 do álbum original e “Doce Loucura”, uma das inéditas apresentadas na versão deluxe -, o registro foi todo gravado ao lado de Laura Lavieri, Regis Damasceno e Curumin, músicos que o acompanharam há uma década, nos primeiros shows de seu álbum de estreia.

A primeira música a ter o vídeo do encontro publicado no canal do artista no YouTube é “Por que Nós?” – assista aqui. Depois dela, as demais canções terão seus respectivos conteúdos audiovisuais lançados um por vez, sempre às segundas, quartas e sextas, ao meio-dia. A agenda de lançamentos vai até o dia 20 de janeiro de 2021.

De uma experiência afetiva e sonoramente minimalista, nasceu o “Feito Pra Acabar – Ao Vivo”. Realizado na casa de Jeneci, o objetivo do reencontro com a formação original foi registrar o quarteto tocando o disco inteiro, ao vivo, em estado de imersão.

Na ocasião, todos puderam mergulhar naquelas canções com dez anos de existência – à exceção de “Doce Loucura” -, enquanto trocavam experiências pelas quais passaram nesse tempo.

Assim como “Feito Pra Acabar – 10 anos” trouxe o disco de 2010 com a versão do artista em 2020, o projeto “Feito Pra Acabar – Ao Vivo” traz o repertório de 10 anos atrás, mas com bagagem e emoções renovadas.

“Feito Pra Acabar – Ao Vivo” – Marcelo Jeneci
Lançamento slap/Som Livre – 18 de dezembro/2020

Cronograma de lançamento dos vídeos:

18/12 – Por que Nós?
21/12 – Café com Leite de Rosas
23/12 – Tempestade Emocional
25/12 – Felicidade
28/12 – Longe
30/12 – Show de Estrelas
04/01 – Pra Sonhar
06/01 – Copo D’agua
08/01 – Dar-te-ei
11/01 – Jardim do Eden
13/01 – Pense duas vezes
15/01 – Quarto de Dormir
18/01 – A Chuva
20/01 – Feito pra Acabar

Sobre o slap

O slap faz parte da vida de quem busca novas experiências musicais e orgulha-se de, desde 2007, fomentar a cena indie e abrir as portas do mercado para novos artistas. Sua missão é potencializar e empoderar a cena musical independente do país, incentivando o midstream e fazendo com que novos sons, originais e arrojados, cheguem a cada vez mais pessoas. O slap carrega em sua história grandes lançamentos de nomes como Maria Gadú e Silva. Seus representantes têm todos a autenticidade como característica, e entre eles estão Céu, Luthuly, Marcelo Jeneci, Maria Gadú, Gustavo Bertoni, Scalene e Jonathan Ferr.

@slapmusica

Anterior Livro retrata cena cultural brasiliense dos anos 80
Próximo Peaky Blinders e Stranger Things são as mais buscadas