A loja Cosmos faz sua inauguração e também o lançamento do primeiro título de seu selo editorial, o gibi Billy Soco, de Gabriel Góes! Na mesmo ocasião, lançamento da graphic novel Cidade de Sangue, com roteiro de Márcio Jr. e ilustrada pelo veterano Julio Shimamoto!

No sábado, 23 de junho, será inaugurada a loja Cosmos (714 Norte), um ponto de encontro para fãs de histórias em quadrinhos, toys e cultura pop. Com foco em produtos criativos feitos por artistas brasilienses, o espaço ainda conta com uma área para eventos, cursos e palestras.

Na data será realizado também o lançamento do selo Cosmos de Quadrinhos, com a primeira edição do gibi Billy Soco, personagem criado pelo quadrinista brasiliense Gabriel Góes. A equipe por trás do selo é mesma que lançou a revista Brazilla, e nasce com a proposta de criar uma plataforma para criar e viabilizar projetos ligados ao mundo dos quadrinhos.

Billy Soco é um lançamento em parceria com a editora Beleléu (RJ) e traz o personagem-título Billy Soco, um misto alucinado de Astro Boy e Meninas Superpoderosas em esteroides, um super-herói genérico – intrépido e superforte – desses que surgem durante uma aula entediante nas últimas folhas de um caderno do primeiro grau. A revistinha intercala as batalhas do personagem contra monstros gigantes com anúncios fictícios de bonequinhos do personagem e cupons promocionais de seus gibis. Billy Soco pode ser encarado como um tributo à infância relido sob uma ótica (acidentalmente ou não) pós-moderna.

Cidade de Sangue é uma graphic novel escrita pelo agitador cultural goiano Márcio Jr. e desenhada pelo veterano paulista Julio Shimamoto. Com uma dramática trama policial ambientada em Goiânia, no árido Centro-Oeste brasileiro, é provavelmente a mais longa HQ de toda a carreira do inconfundível Shima – aos 79 anos, é o mais velho artista de quadrinhos brasileiros ainda em atividade. Em Cidade de Sangue, o desenhista leva seu notório experimentalismo gráfico a um patamar inaudito: todas as páginas foram criadas com ferro de solda sobre papel de fax. Um lançamento da editora MMArte, a obra foi financiada pelo Fundo de Arte e Cultura de Goiás.

A discotecagem do evento fica por conta do DJ Mak, tocando soul e funk com sua coleção de compactos de vinil. Quem traz a cerveja (artesanal) é a galera do Fusbier, a cervejaria móvel em um Fusca de verdade.

AUTORES PRESENTES NO LANÇAMENTO

Gabriel Góes é artista plástico e trabalhou no Correio Brasiliense por seis anos. Adaptou para quadrinhos, com o roteirista Arnaldo Branco, as obras Beijo no asfalto e Vestido de noiva, ambas de Nelson Rodrigues, além de ser fundador do coletivo SAMBA. Já ilustrou matérias nas revistas Rolling Stone, Playboy, Galileu, Super Interessante e Correio Braziliense. Participou de publicações independentes como Prego, Tarja Preta e Ragú. É também de sua autoria os projetos em quadrinhos Fabio, Flores, Soco!, Capitão América e seus amigos e Kowalski. Atualmente publica no site Novo Amanhecer, do qual é editor.

www.behance.net/gabrielgoes
novoamanhecertm.tumblr.com

Márcio Jr. foi sócio-fundador da Monstro Discos, MMarte Produções e Escola Goiana de Desenho Animado. Criou o Goiânia Noise Festival e a TRASH – Mostra Internacional de Cinema Fantástico. Produziu O Ogro e Faroeste: um autêntico western, entre outras animações. Editou as revistas Into, Voodoo! e Macaco. É autor dos livros COMICZZZT!: Rock e quadrinhos (2015) e 50 (2017). Produtor cultural e mestre em Comunicação pela UnB, é também vocalista da banda Mechanics – que, ao lado do quadrinista Fabio Zimbres, realizou o projeto do disco/HQ Música para Antropomorfos (2007). Cidade de Sangue é sua primeira graphic novel.

Inauguração loja Cosmos

Sábado, 23 de junho, das 15h às 20h, na Cosmos (714 Norte bloco D loja 31). Lançamento do gibi Billy Soco (selos Cosmos e Beleléu), com a presença do autor Gabriel Góes, e da graphic novel Cidade de Sangue (MMArte), com a presença do autor, Márcio Jr. Acesso livre.

Anterior Sucessos da gastronomia norte-americana no Buddy Bar
Próximo Brasília sem LGBTFobia traz Valesca Popozuda à capital