Por meio de seus livros autorais, as escritoras Karla Calasans, Beatriz Schwab, Wilza Meireles, Ana Maria Coelho e Soraia Luana Reis, entre outras, falam com o público da M Norte sobre literatura e direitos humanos com temas sobre violência contra a mulher, direito à saúde, juventude, acessibilidade, posicionamento da mulher negra, desenvolvimento pessoal, violência, entre outros. As autoras também debaterão sobre o mercado e a profissão de escritor. A participação delas ocorre dentro da 6ª Mostra de Literatura.

Sem contar com a importância de difundir a literatura em nossa comunidade como forma de reflexão, a Mostra de Literatura tem o propósito de difundir a literatura local entre leitores locais. Com escritores de expressão, desenvolvemos um evento com um ciclo de debates sobre diversos temas atrelados aos direitos humanos, com contação de histórias e discussão sobre a arte literária.

Nossa intenção é também constituir novos leitores, desenvolvendo o gosto pela leitura, formando plateia em ações intergeracionais, desenvolvendo arranjos criativos através de ciclo de bate-papos literários e promovendo acessibilidade e inclusão cultural.

Com o patrocínio da Secretária de Cultura do Distrito Federal, a 6ª Mostra acontece em Taguatinga, além de outras cidades, como Varjão, Estrutural e Ceilândia. Nessas cidades o índice de violência é grande e a cultura pode romper com os índices, proporcionando lazer, entretenimento e informação aos participantes.

A 6ª Mostra de Literatura ainda tem o apoio das editoras Nova Alexandria, Volta & Meia, Belas-Letras, Ciência Moderna, Pergunta Fixar e Livro Falante. O evento conta ainda com uma exposição de revistas raras, algumas destas centenárias (Fon-Fon, Careta, Vamos Ler!, Vida Brasileira, etc). A curadoria é do professor de literatura Andrey do Amaral. Todas as atividades são gratuitas.

A intenção é que – por meio das atividades da Mostra – o cidadão se perceba um instrumento transformador e multiplicador de conceitos apreendidos nas apresentações através do livro e dos direitos humanos.

Já na 6ª edição, a Mostra de Literatura promove a conquista de novos espaços de leitura, distribuição gratuita de livros e audiolivros, formação de leitores, práticas sociais de leitura, conscientização sobre o valor social do livro e da leitura, entre outros!

· Quando: 04 de abril (quinta-feira)
· Horário: de 8h a 12h
· Onde: Ced 07, EQNM 36/38 AE– Taguatinga Norte-DF. CEP: 72145-517
· Evento grátis, aberto ao público e acessível com audiodescrição
· Telefone: (61) 98457-7131

Alguns Participantes

Ana Maria Freitas Coelho: psicóloga e psicoterapeuta, com foco no desenvolvimento e cuidado psicossocial. Participa de projetos sociais e culturais. É palestrante e escritora, é de sua autoria Solteiros novamente.

Andrey do Amaral: idealizador e curador do projeto Mostra de Literatura, cuja premissa foca em literatura clássica e contemporânea com os direitos humanos. É professor de Língua Portuguesa, editor e produtor cultural. Recebeu diversos prêmios.

Antônio Leitão: é cego de nascença e servidor público. Autor do livro Pérolas de Leitão. É apresentador do programa Conexão Cidadã em uma TV Comunitária.

Beatriz Schwab: empreendedora cultural, criou o grupo Mulheres de Sucesso DF. Participa de projetos culturais de literatura e direitos humanos, falando sobre a questão da violência contra a mulher. Seu livro Um soco na alma, que escreveu com Wilza Meireles, virou referência bibliográfica da novela O Outro Lado do Paraíso, exibida pela Rede Globo.

Trabalha ainda com crianças e adolescentes vítimas de violência e abuso sexual. É a única escritora do Centro-oeste a estar presente no catálogo internacional de escritores, da Câmara Brasileira do Livro. É coautora Solteiros novamente.

Karla Calasans: professora, atriz e poeta. Por meio das oficinas de literatura, propaga a afirmação da mulher negra. Autora do livro Nas bordaduras de um botão, que virou peça teatral Botões na Rua, já encenada em Brasília e Bogotá (Colômbia), país este que participou como convidada na Feira Internacional do Livro de Bogotá.

Soraia Luana Reis: trabalhou nas grandes editoras do eixo Rio-São Paulo. Escreveu os livros Eu sou o poder e Sempre amigas, este último em e-book para experimentar a literatura em seu universo digital. Mora em São Paulo e vem exclusivamente para a Mostra de Literatura.

Wilza Meireles: é psicóloga, escritora e palestrante. Escreveu Um soco na alma, é ainda autora do livro infantojuvenil inédito Eu posso falar, que trata por meio da literatura sobre os abusos sexuais sofridos na infância. Desenvolve cursos sobre esse tema para professores, pais, crianças e adolescentes.

Breve Histórico

– 6 edições.
– Acesso amplo e gratuito.
– 11 cidades do DF, em diferentes bairros, e entorno (em diferentes bairros) já receberam a Mostra (Ceilândia, Estrutural, Varjão, Paranoá, Taguatinga, Guará, Samambaia, Vila Planalto, Vila Telebrasília, Águas Lindas do Goiás, Valparaíso de Goiás).
– Com público de mais de 12.000 (doze mil) espectadores – média de 2.000 pessoas por edição).
– Mais de 10.000 livros e audiolivros distribuídos gratuitamente.
– Impacto na mídia: praticamente todos os grandes veículos noticiaram a Mostra de Literatura- Finalista dos Prêmios: Instituto Pró-Livro (2018), Prêmio Jabuti (2018), Cultura e Cidadania-SeCult-DF (2017), Conexão Cultura-SeCult-DF (2017), Rede Solidária Anjos do Amanhã, da Vara de Infância e Juventude do TJDFT (2014) Ponto de Leitura, Ministério da Cultura (2008).

Sobre O Curador

Andrey do Amaral (1976) é produtor cultural e professor de literatura, licenciado em Letras com pós-graduação em Língua Portuguesa, Gestão Cultural, Educação a Distância, Acessibilidade Cultural e um MBA em Marketing.

Com seu trabalho, recebeu — entre outros — prêmios da Fundação Biblioteca Nacional (2002), Ministério da Cultura (2008), Fundação Casa de Rui Barbosa (2010), Letras Nordestinas (2011), Rede Solidária Anjos do Amanhã, da Vara de Infância e Juventude do TJDFT (2014) e indicado ao Prêmio Cultura e Cidadania da Secretaria de Cultura do DF (2018).

Seus livros autorais foram publicados pela editora Ciência Moderna. Dedica-se à pesquisa da vida/obra do poeta paraibano Augusto dos Anjos. Presta consultoria sobre projetos sociais e editoriais, desenvolvendo produtos nessas áreas.

Trabalhou nas Diretorias de Direitos Intelectuais e de Livro, Leitura, Literatura e Bibliotecas, ambas do MinC. É parecerista de projetos culturais do Ministério da Cultura, das Secretarias de Cultura do Distrito Federal e do Estado do Mato Grosso do Sul e dos municípios de Uruaçu-GO, Campo Grande-MS e Lages-SC. É também agente literário de grandes autores nacionais.

Serviço

Mostra de Literatura
Celular: (61) 9 8457-7131
www.mostradeliteratura.com.br

Ceilândia Mostra de literatura público
Ceilândia Mostra de literatura público | Foto: Divulgação
Anterior Rodas Ancestrais une tradições populares em uma grande festa
Próximo Ávine Vinny lança novo EP com três faixas inéditas