Jeremias – Pele ganha o Prêmio Jabuti 2019 na categoria Histórias em Quadrinhos

Obra produzida pela Mauricio de Sousa Produções e publicada pela Panini aborda o racismo na infância e na vida adulta, numa história recheada de dor, superação e aprendizado sobre a vida

A Graphic MSP Jeremias – Pele, escrita por Rafael Calça e desenhada por Jefferson Costa, com edição de Sidney Gusman (da Mauricio de Sousa Produções) e publicada pela Panini Comics, foi a vencedora do mais importante prêmio literário do Brasil, o Jabuti 2019, na categoria Histórias em Quadrinhos.

A cerimônia de entrega aconteceu na noite de 28 de novembro, no Auditório Ibirapuera. A obra aborda o racismo na infância e na vida adulta. Neste ano, Jeremias – Pele também foi premiada com dois troféus HQ Mix, como Edição Especial e Publicação Juvenil.

“Conceição Evaristo, como homenageada. Lázaro Ramos como mestre de cerimônias. Jeremias como melhor história em quadrinhos. O Jabuti nunca foi tão preto como em 2019. Tremi”, disse Jefferson Costa, ao explicar a emoção da conquista.

Rafael Calça também estava exultante. “Que honra o Prêmio Jabuti ter prestigiado a história de um menino negro descobrindo o mundo e sua força interior. Este é um mundo novo, no qual as ideias velhas serão abandonadas. Começando pelo Bairro do Limoeiro, onde a infância e o amor inspiraram e inspirarão crianças do Brasil e do mundo afora”, declarou.

O editor Sidney Gusman relatou outro aspecto da importância da premiação: “É o primeiro Jabuti da História da Mauricio de Sousa Produções, e mostra o quanto representatividade importa. Jeremias – Pele ajudou a mudar nossa empresa por dentro, e torço demais para que ela chegue às escolas de todo o Brasil”.

Também foi o primeiro Jabuti da Editora Panini. “Estamos honrados e muito felizes de levar para casa a premiação mais almejada da literatura brasileira. Oferecer publicações como esta só prova que estamos no caminho certo para apresentar ao público a diversidade do país”, disse o gerente de Marketing da Panini Brasil, Marcelo Adriano da Silva.

Esta foi uma das graphic novels nacionais mais aguardadas de 2018. Foi o 18º título do prestigiado selo Graphic MSP, que estreou em 2012 e se tornou referência no segmento, reunindo o melhor do traço nacional em HQs produzidas pelos mais diversos artistas, em estilos tão ousados quanto lindos.

Em uma reinterpretação ousada, porém necessária, como enaltece Mauricio de Sousa, em seu prefácio, Rafael Calça e Jefferson Costa dão vida a uma história forte, dura, emocionante, na qual Jeremias lidará, pela primeira vez, com o preconceito por causa da cor de sua pele. A trama é recheada de dor, superação e um duro aprendizado.

Muito do que Jeremias e seus pais vivem em Pele veio das experiências pessoais de Rafael e Jefferson, o que torna a obra ainda mais especial. O belíssimo e emocionado texto da quarta capa é assinado pelo rapper Emicida.

Os extras da edição trazem ideias, estudos e esboços do visual dos personagens e as diversas etapas do processo de desenho e cor, que Jefferson Costa faz totalmente no digital. Estudos da capa, um histórico dos personagens e a biografia dos autores complementam o material.

O título está disponível em www.lojapanini.com.br, nas versões em capa dura e capa cartão.

Sobre a Mauricio de Sousa Produções

A Mauricio de Sousa Produções é a maior empresa de entretenimento do Brasil, responsável por uma das marcas mais admiradas do país, a Turma da Mônica. A MSP investe em inovação e produz conteúdos em todas as plataformas com a mais alta tecnologia, alinhando educação, cultura e entretenimento. No licenciamento, trabalha com 150 empresas que utilizam seus personagens em mais de 4 mil itens.

No universo digital, o canal no YouTube da Turma da Mônica já chegou a 9,2 bilhões de visualizações, sendo a maior audiência para Mônica Toy, conteúdo desenvolvido exclusivamente para esta plataforma; além do engajamento e interações orgânicos com os fãs em mídias sociais. Na área editorial, possui um dos maiores estúdios do setor no mundo e já passou dos 300 títulos, com venda de mais de um bilhão de revistas, responsáveis pela alfabetização informal de milhões de brasileiros.

Sobre a Panini

O Grupo Panini, estabelecido há mais de 57 anos, com fábricas em Modena, na Itália, e no Brasil, e subsidiárias em toda a Europa, América Latina e Estados Unidos, é líder mundial no setor de colecionáveis e líder em publicações de quadrinhos, revistas infantis e mangás, na Europa e na América Latina. A empresa possui canais de distribuição em mais de 130 países e emprega uma equipe de mais de 1.200 pessoas.

Anterior Brasília recebe o 1º evento internacional de chá do Brasil
Próximo Carcereiros — O filme é uma da 10 estreias nos cinemas do DF