Um dos primeiros singles a ser divulgado do álbum Rente (2019) – listado como um dos melhores discos do ano até agora pela Associação Paulista de Críticos de Arte (APCA) -, a faixa acaba de ganhar seu vídeo, com direção de Daniel Barosa e José Menezes e direção de fotografia por André Dip.

Por meio de cortes curtos e próximos, a potência sonora gerada por Jair e pelos músicos Renato Ribeiro (guitarra), Rob Ashtoffen (baixo) e Lucas Melo (bateria) dão o tom do clipe, atravessado por imagens de arquivo e panorâmicas de Jair na cidade de São Paulo.

“Em ‘Deus Não Compactua’ optamos por seguir um caminho totalmente oposto ao primeiro vídeo extraído desse álbum, ‘Gira’, que trazia sequências longas e contemplativas”, completa Jair. “Desta vez resolvemos adotar um estilo de edição infinitamente mais rápido, mesclando imagens da banda com colagens de imagens aparentemente desconexas, fazendo alusão à quantidade massacrante de diferentes informações que consumimos diariamente nos tempos atuais”, reflete o compositor.

Show

Além de divulgar o novo vídeo, Jair também aproveita o momento para dar continuidade a tour de Rente. No dia 19 de Outubro (sábado), ele se apresenta no Centro Cultural São Paulo (CCSP), com abertura da banda Acachapa e com ingressos já à venda por R$ 25 (inteira) e R$ 12,50 (meia-entrada) aqui. O horário de início é 19:00 e o CCSP fica na Rua Vergueiro, 1000 – Paraíso (São Paulo/SP).

Jair Naves

O músico, compositor e cantor Jair Naves é um dos principais nomes da cena autoral brasileira contemporânea. Aos 17 anos começou na música integrando a banda Okotô. Na sequência, foi vocalista e um dos fundadores da Ludovic, cultuada banda do cenário independente e com a qual ele viajou por diferentes cantos do Brasil.

Anos mais tarde se lançou na carreira solo, cuja discografia é formada pelos EPs “Araguari” (2010) e “Atirado ao Mar” (2015) e pelos discos “E Você Se Sente numa Cela Escura, Planejando a Sua Fuga, Cavando o Chão Com as Próprias Unhas” (2012) e “Trovões a Me Atingir” (2015). Após o lançamento de “A Flash of Feeling”, álbum feito junto à cantora estadunidense Britt Harris, no ano passado, em 2019 retoma sua carreira solo com o terceiro álbum de inéditas, “Rente”, produzido por ele mesmo, gravado e com mix por Zeca Leme (BTG Studio) e master por Fernando Rocha (El Rocha).

Anterior Visita da família real em vídeo inédito de Downton Abbey
Próximo O Raul que me contaram - A história do maluco beleza