Você conhece o Greta Kouzina? Restaurante que une gastronomia grega, mediterrânea e contemporânea em Brasília

Inaugurado em fevereiro de 2022, a casa apresenta novidades para o segundo semestre do ano, com pratos, carta de vinhos e drinks novos, além ações inéditas como o fogo de chão na principal avenida do Lago Sul e happy hour harmonizado.

Há pouco mais de cinco meses o restaurante Greta vem aproximando os brasilienses à gastronomia grega. Inspirado no país dos grandes filósofos, deuses da mitologia e fundadores dos jogos olímpicos, a casa recebeu nesse curto período mais de 4.000 mil visitantes, e a partir dos feedbacks do exigente paladar candango, bem como análises e testes, foi-se moldando, e, para esse segundo semestre, traz bastante novidades.

A primeira delas é no comando da cozinha – essa não tão nova para seus fiéis clientes -, onde no comando estão agora os chefs Edu Reis e Matheus Grilo, dois jovens criativos e experientes profissionais responsáveis pela nova cara do restaurante que abriu o leque de inspirações, unindo gastronomia grega a contemporânea e mediterrânea, desde os temperos, insumos e apresentações.

“Aprendemos muito em tão pouco tempo de operação com o Greta. A expectativa, confiança e curiosidade dos nossos clientes nos ensinou bastante nesses mais de 150 dias abertos, onde erramos, acertamos, amadurecemos, fizemos mudanças, testes e conseguimos entender o perfil do nosso público. Para esse segundo semestre vamos apostar alto nas experiências únicas, opções de novos pratos, festivais diversos, eventos, chefs convidados, entre outras ações”, revela Luiza Melo, sócia do restaurante.

Massas, saladas, cores, temperos e… Menu executivo!

Enquanto a segunda novidade fica por conta dos novos/reformulados pratos. O nome pode ser difícil, mas o sabor surpreende, eis a entradinha Spanakopita (os típicos pasteizinhos gregos), feitos com massa filo de queijo de cabra e recheados com espinafre, molho de iogurte e raspas de limão siciliano (R$ 58). Outra opção são as almôndegas gregas, as famosas Keftedes, feitas com carne moída de cordeiro, sumo de limão, batatas, hummus de hortelã e amêndoas (R$ 65).

A releitura do Halloumi é uma das entradas que seguem no cardápio, apelidado de Halloumi Coalho, o prato é servido com queijo coalho na chapa, compota de figo, figo em gomos e gergelim (R$ 59); assim como o Calamari: anéis de lula acompanhados do tradicional molho tzatziki (R$ 53).

Típicas do país dos deuses Zeus e Atena, as saladas não poderiam ficar de fora. Destaque para a Grega: tomates frescos, pepino, cebola roxa, azeitona, orégano e queijo de cabra (R$ 47); e a Santorini: couscous marroquino, rúcula, tâmara, pistache, damasco, queijo de cabra e vinagrete de romã (R$ 59).

Entre os pratos principais, um é vegetariano – Alykes Couscous: couscous rosa com legumes confitados e mix de cogumelos (R$ 88); Orzo: massa cremosa com sobrecoxa de frango, couve salteada e aioli de queijo de cabra (R$ 79); e a Dolmadakia: charutinho de folha de couve recheadas com arroz, carne de cordeiro e queijo de cabra servidas com humos e couscous (R$ 86), são as novidades. Já os pratos Linguine al limone com frutos do mar (R$ 99); Filé mignon em corte alto servido com risoto de amora e calda de amora ou com risoto de alho poró – a escolha do cliente (R$ 129); E a Lula inteira servida com creme de queijo de cabra e espinafre (R$ 155), foram repaginados, desde a apresentação, mudança de acompanhamentos e ingredientes e seguem no cardápio.

Assim como os clássicos moussaka: camadas de beringela, carne de cordeiro e bechamel, gratinada com mussarela e queijo de cabra (R$ 81); e o Psári: peixe do dia em crosta de castanhas, mousseline de beterraba e legumes salteados (R$ 97).

Por fim, para ado̤ar o paladar e completar a experi̻ncia grega junto a mediterr̢nea e contempor̢nea, a primeira sugesṭo do chef ̩ a Galaktoboureko Рfamosa na Gr̩cia e Turquia -, feita com massa filo e lascas de laranja, servida com sorvete de horteḷ (R$ 41). As outras tr̻s op̵̤es ṣo: Bol me frouta: onde o cliente pode escolher entre a bola de sorvete de iogurte, horteḷ ou pistache, acompanhada de morango, roṃ ou suspiro (R$ 39); Baklava: massa filo recheada de nozes e servida com calda doce e sorvete de pistache (R$ 39); ou o Loukoumades: bolinho de chuva grego recheado com creme de especiarias e mel (R$ 37).

A opção de menu executivo também é um dos novos atrativos da casa, servido de terça a quinta-feira, 12h às 16h, onde o cliente tem duas opções, ele em três etapas – entrada, prato principal e sobremesa (R$ 89) -, ou duas etapas – prato principal e sobremesa (R$ 69)-. As opções de pratos podem mudar a cada semana.

Vinhos, drinks e ações inéditas

A adega do Greta foi uma das áreas que o restaurante decidiu investir forte após os feedbacks dos clientes, e, para isso, a casa ampliou bastante sua carta de espumantes e vinhos que agora conta com mais de 120 rótulos de 10 países: Brasil, Espanha, Portugal, Itália, França, Uruguai, Argentina, África do Sul, Líbano e claro, Grécia.

Entre os drinks a aposta é na criatividade dos nomes que homenageiam grandes ícones da mitologia grega. São eles o Cerberus: jarra com conhaque, espumante, morango, laranja, uva verde e kiwi (R$ 105, drinks compartilhável que serve de 2 a 3 pessoas); Artemis: espumante, xarope de sabugueiro, limão e vodka (R$ 30); Mileto: abacaxi, red bull de açaí, mirtilo e destilado saborizado (R$ 35); Hidra: cajuzinhos, limão, licor cointreau e gin (R$ 35); e o Cicuta de Sócrates: abacaxi, limão siciliano, xarope de cacau e vodka (R$ 29). Uma novidade que a casa vai lançar em breve é um menu happy hour de entradas/petiscos harmonizados com drinks a um preço especial.

Por último, um dos atrativos é o churrasco fogo de chão às margens da principal avenida do Lago Sul, na QI 9 – onde fica o restaurante -. Uma vez por mês, em um dos finais de semana, cortes nobres de bovinos, ovinos, suínos ou frutos do mar, serão assados sob a brasa.

Serviço

Greta Kouzina
Onde: QI 9, Bl. A, Lj. 18 – Lago Sul
Horário de funcionamento: terça a quinta-feira, 12h às 16h / 18h às 0h. Sexta e sábado, 12h às 0h. Domingo e feriados, 12h às 17h.
Reservas: (61) 9 9390-9000
Para mais informações: @gretakouzina