Filosofia 茅 Coisa de Mulher: 7 fil贸sofas que deixaram seu legado na hist贸ria.聽Livro in茅dito Fil贸sofas joga luz sob as mulheres que transformaram o pensamento mundial

Celebrado toda terceira quinta-feira de novembro, o Dia Internacional da Filosofia foi institu铆do pela Organiza莽茫o das Na莽玫es Unidas para a Educa莽茫o, a Ci锚ncia e a Cultura (UNESCO) em 2005 com o objetivo de valorizar a filosofia para o desenvolvimento do pensamento humano em cada cultura e indiv铆duo. Esse ano a comemora莽茫o acontece em 17 de novembro e 茅 uma maneira de evidenciar o pensamento cr铆tico como aux铆lio no sentido 脿 vida e nos processos estabelecidos pela sociedade.

Ao longo de s茅culos, mulheres se destacaram nessa 谩rea, mas, mesmo com suas pesquisas, estudos, pol铆ticas e revolu莽玫es, muitas delas n茫o s茫o lembradas, conhecidas ou citadas na hist贸ria. 鈥淒esde tempos antigos temos fil贸sofas transitando por diversas quest玫es, como metaf铆sica, epistemologia, 茅tica, pol铆tica e g锚nero… essas experi锚ncias das mulheres com frequ锚ncia trazem para a Filosofia novas perspectivas de pensamento鈥, explica Fabiana Lessa que, ao lado da tamb茅m professora Natasha Hennemann, acaba de lan莽ar o livro 鈥淔il贸sofas: O Legado das Mulheres na Hist贸ria do Pensamento Mundial鈥, que busca dar visibilidade as ideias e a莽玫es e fazer justi莽a a essas grandes intelectuais.

Para Natasha Hennemann, 鈥渙 conhecimento 茅 essencial, valioso e deve ser incentivado鈥 e por isso listamos 7 mulheres que voc锚 deveria conhecer e que, atrav茅s do seu trabalho, transformaram a sociedade que viveram e deixaram seu legado na hist贸ria mundial.

Fil贸sofas
Capa do livro Fil贸sofas: O Legado das Mulheres na Hist贸ria do Pensamento Mundial | Foto: Ilustrativa

Ban Zhao (40-120)

Essa fil贸sofa chinesa da Antiguidade foi pensadora, historiadora, educadora e se destacou nos campos da 茅tica e da reflex茫o sobre as virtudes. Nascida em uma fam铆lia erudita, cujo pai e irm茫o (Ban Biao e Ban Gu) iniciaram a pesquisa e escrita do Livro de Han, foi convidada pelo pr贸prio imperador para colaborar e finalizar o projeto de cem volumes que contava a hist贸ria da China e abordava v谩rias 谩reas do conhecimento, como literatura, ci锚ncia e direito. Escreveu 16 outras obras, entre poemas, coment谩rios, cartas, anota莽玫es e instru莽玫es que est茫o traduzidas, em sua maioria, apenas para o ingl锚s. Trabalhou como preceptora de crian莽as e jovens, como conselheira da imperatriz-regente Dowager Deng Sui e influenciou toda a sociedade chinesa com sua obra 鈥淟i莽玫es para Mulheres鈥, onde deixou conselhos e recomenda莽玫es morais para suas filhas.

Christine de Pizan (1364 鈥 1431)

A italiana do per铆odo medieval frequentou a corte francesa e, depois da morte do rei Carlos V, do pai, do marido e de um filho crian莽a, arrega莽ou as mangas e come莽ou a escrever poesia, publicar e divulgar seus escritos, agindo muitas vezes como editora. A fil贸sofa de Veneza 茅 considerada a primeira mulher que conseguiu se sustentar exclusivamente por meio de seus escritos, ou seja, a primeira escritora profissional do Ocidente. Autora de mais de 40 livros, antecipou a Querelle des femmes, debate liter谩rio que durou cerca de quatro s茅culos e que discutia o papel das mulheres: natureza, virtudes e lugar na sociedade. Tamb茅m defendia a educa莽茫o igualit谩ria para homens e mulheres e seus escritos foram pioneiros no debate p煤blico em defesa do sexo feminino.

Olympe de Gouges (1748 鈥 1793)

A revolucion谩ria francesa de inf芒ncia simples percebeu e exp么s v谩rias contradi莽玫es entre discurso e pr谩tica da Revolu莽茫o Francesa e do Iluminismo. Produziu pe莽as de teatro, panfletos e artigos pol铆ticos, se interessou pelo debate de causas sociais, como aboli莽茫o da escravid茫o, pena de morte, sistemas de governo e igualdade entre homens e mulheres, e se tornou influente no contexto da 茅poca. Em 1791 escreveu a Declara莽茫o dos Direitos da Mulher e da Cidad茫, como complemento a famosa Declara莽茫o dos Direitos do Homem e do Cidad茫o (da pr贸pria Revolu莽茫o, de 1789) e em 1793 foi executada na guilhotina por ser caracterizada como conspiradora, contr谩ria ao governo e mulher que teria se esquecido das virtudes do seu sexo.

Harriet Taylor Mill (1804-1858)

A pensadora inglesa da era vitoriana debateu sobre a defesa dos direitos das mulheres, com cr铆ticas 脿 religi茫o e a necessidade de rever quest玫es que as desfavoreciam na sociedade. Tamb茅m influenciou o pensamento de John Mill, seu segundo marido e intelectual considerado um marco da teoria liberal, que discutiu sobre sufr谩gio, div贸rcio e a condi莽茫o feminina no sentido legal. Buscava o acesso 脿 educa莽茫o e ao trabalho de forma igualit谩ria aos homens e mulheres, pois acreditava que se eles usufru铆ssem de direitos civis e pol铆ticos tamb茅m se responsabilizariam igualmente pelas quest玫es publicas e do lar, como os filhos.

L茅lia Gonzalez (1935 鈥 1994)

Essa intelectual brasileira foi esquecida por anos e vem sendo muito resgatada por seu trabalho na filosofia e antropologia. Militante do movimento negro e feminista do s茅culo XX, lutou contra o racismo estrutural, a desigualdade de g锚nero articulada 脿 quest茫o racial e conseguiu transitar por diversos espa莽os, do acad锚mico ao popular. Foi uma das fundadoras do Movimento Negro Unificado, fez parte do Conselho Nacional dos Direitos da Mulher e uniu hist贸ria, geografia, antropologia e filosofia para tratar das quest玫es raciais e de g锚nero do Brasil e da Am茅rica Latina.

Angela Davis (1944 鈥 hoje)

A estadunidense j谩 foi considerada uma das dez criminosas mais perigosas dos Estados Unidos e inocentada de todas as acusa莽玫es. A fil贸sofa e ativista, que viveu a 茅poca da segrega莽茫o, se envolveu com as causas raciais e sua milit芒ncia em defesa dos direitos da popula莽茫o negra 茅 um marco. Sua teoria cr铆tica compreende que g锚nero, ra莽a e classe social se entrela莽am e devem ser levados em considera莽茫o em uma an谩lise sobre as desigualdades que estruturam uma sociedade capitalista. Tamb茅m d谩 espa莽o para o debate do feminismo negro, a objetifica莽茫o do corpo da mulher negra e o trabalho dom茅stico

Vandana Shiva (1952 鈥 hoje)

A indiana 茅 reconhecida e premiada por seus estudos e pr谩ticas dentro da ecologia, principalmente por seus projetos sobre agricultura org芒nica e preserva莽茫o ambiental. A tamb茅m doutora em F铆sica colabora para a defesa do conhecimento ind铆gena e da biodiversidade e critica a modifica莽茫o gen茅tica dos alimentos, tanto pelos danos ambientais e 脿 sa煤de quanto pelo crescimento de empresas e da averigua莽茫o de terras e agricultores, retirando o meio de vida e o sustento de uma popula莽茫o vulner谩vel, fomentando a sua explora莽茫o.