Evento artístico cultural, gratuito, Festival de Artes na Quebrada tem atrações para públicos de todas as idades no Centro de Múltiplas Funções, da Cidade Estrutural

Com uma programação extensa que deve atrair públicos de todas as idades, a Cidade Estrutural recebe no próximo domingo (26/01). O Festival de Artes na Quebrada será realizado no Centro de Múltiplas Funções, localizado entre as quadras 6 e 8, da estrutural. A entrada é gratuita e conta com apoio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do DF (Secec-DF), e patrocínio do Fundo de Apoio à Cultura (FAC-DF).

A proposta do Festival de Artes na Quebrada, criada por Hudson Gonçalves, conhecido como HD, morador de Brazlândia, é mobilizar a comunidade no aspecto cultural e social. “Quero proporcionar aos moradores da Cidade Estrutural e Brazlândia momentos de lazer com uma diversidade de apresentações”, declarou o rapper que já fez parte da composição do grupo Intercâmbio, Face Crítica e A Junção e também fez participações com artistas da cena de rap do DF como tribo da periferia, Jordan e Voz Sem Medo. O cantor, Hudson Gonçalves, também faz parte das atrações que sobem ao palco da festa no domingo.

O Festival de Artes na Quebrada terá duas edições. A primeira será na Cidade Estrutural, no próximo domingo (26) e a segunda em Brazlândia no dia (1º/03). Na cidade Estrutural o público irá contar com a performance de ballet, capoeira e outras danças, com classificação indicativa livre.

Com todo equilíbrio, malabaristas vão exibir suas habilidades físicas impensáveis com manipulação de objetos para a plateia infantil que ainda pode conferir nesta festa apresentação de mamulengo, fantoche típico do nordeste brasileiro, que promete garantir gargalhadas dos pequenininhos.

Para realçar os pilares do hip-hop como ferramenta transformadora sócio educativa de jovens e adultos vai ter o Duelo de MC’s locais. Dançarinos de rua da própria comunidade vão realizar apresentações de Break Dance com os grupos Furious’D, que completa 10 anos de existência, e o Clay Feer, criado há um ano por amigos. Além de roda livre para participação de dançarinos solos, uma oportunidade de mostrarem suas habilidades nas batalhas.

Dentro da programação do evento, grafiteiros dos Distrito Federal farão arte com grafitti em alguns locais estratégicos do Centro de Múltiplas Funções. São aguardados para o festival os grupos de rap da cidade Mandrak Mob e Porte Ilegal Rappers, além das discotecagens dos Dj’s Marola e Clécio, e um baile de charme com o grupo Pegada Black.

A realização do Festival de Artes na Quebrada tem o objetivo de fomentar a produção da cultura local através da arte revelando novos artistas e a valorizar a cena artística local dentro da Cidade Estrutural. A festa será realizada das 14 horas às 22 horas, do domingo. Não perca!

Anterior A cantora Mallu Magalhães lança novo álbum em 2020
Próximo Crônico Cômico com Cláudio Falcão no Espaço Teatral