Até o dia 15/12, grupos de várias regiões do DF, de outros estados do Brasil e do exterior, farão lindas apresentações no Festineco do Gama, nesta edição especial colaborativa

Iniciado no último dia 06/12 e com término neste domingo (15/12), com muita alegria, o GAMA FESTINECO realiza uma edição especial colaborativa. Esse Festival de Teatro de Bonecos foi idealizado em função da vocação cultural do Gama, cidade do DF que atualmente possui vários grupos que trabalham e pesquisam o teatro de animação. Todas as atividades propostas no FESTINECO serão realizadas em espaços da cidade. O evento é patrocinado pelo GDF, por meio do edital “Conexões”, da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do DF do DF.

“O Festineco é uma grande festa que leva alegria e arte, com diversas formas, cores e linguagens. Um momento de encontro e troca de experiências entre grupos de várias regiões do DF, outros estados do Brasil e do exterior”, explica o coordenador do evento. Marco Augusto Rezende.

O GAMA FESTINECO oferece espetáculos para todas as idades, sempre com ENTRADA FRANCA, possibilitando a participação de escolas públicas e instituições que trabalhem com crianças em situação de vulnerabilidade social.

Programação

Dia 10/12 terça-feira – Festa dos bonecos no novo espaço Voar (SMA CONJUNTO K
lote 05 PRÓ-DF Gama) com apresentações de teatro lambe-lambe e lançamento do livro “O voo da imaginação” 15 de trajetória criativa do grupo Voar a partir das 20h. link da

localização: https://maps.google.com/maps?q=-15.9997281%2C-48.058901&z=17&hl=pt-BR

Apresentações de teatro Lambe-lambe

Dia 10/12 terça-feira – De Conceição Rosière-MG espetáculo “Copélia” espaço Voar
PRÓ-DF Gama a partir das 20h.

Sozinha em sua sala, cercada por lembranças, uma senhora compartilha suas memórias,
tendo como trilha sonora a música tocada por caixinhas de música pelo espectador, que olha através de uma das janelas entreabertas.

Dia 10/12 terça-feira – Grupo Tato Criação Cênica-PR espetáculo “Emiliano” Espaço
Voar PRÓ-DF Gama a partir das 20h.

Emiliano é um teatro de caixa, conhecido como teatro lambe-lambe, onde o micro espetáculo de 3 minutos dentro da linguagem da animação corporal, é apresentado para um espectador por vez. Cada passo de Emiliano é um desafio, uma luta incessante contra a estagnação.

Dia 10/12 terça-feira – Grupo Depois do Ensaio-RJ espetáculo “Você pode me amar?”, de
Tammy Caroline. Espaço Voar PRÓ-DF Gama a partir das 20h. Conta a história de um abandono muito naturalizado em nossa sociedade, o dos animais. Através da manipulação de desenhos a artista toca e faz refletir sobre como vemos o outro.
Essa caixa clássica de Teatro Lambe-Lambe tem o formato de uma caixa preta, onde um
espectador por vez assiste e tem duração de 2 minutos.

Dia 10/12 terça-feira – Grupo Depois do Ensaio-RJ espetáculo “Dolores – A Vidente”, de
Patrícia Furtado. Espaço Voar PRÓ-DF Gama a partir das 20h. Atrás a arte da quiromancia e convida o espectador a não só observar a encenação, mas também a interagir diretamente com ela. Nela, o espectador mostra sua mão para a leitura feita por uma pequena boneca manipulável, Dolores não só vê o futuro como também dá ao espectador as possibilidades do mesmo, quem recebe as respostas deve decidir se as seguirá ou não.

Dia 11/12 quarta-feira – Grupo Cidade dos Bonecos-DF espetáculo “Contos Histórias e
Canções” escola classe 02 às 11h. O espetáculo infantil retrata diferentes meios de comunicação tais como a oralidade, a leitura, a música, o teatro e o rádio. Com contação de histórias e bonecos, a peça aborda temáticas de preservação da natureza, incentivo à leitura e cuidado aos animais. A importância da leitura e o trabalho em grupo são retratados na história A Bela Borboleta e a proteção de nossos recursos naturais é representada em O Pescador e a Serpente.

Dia 11/12 quarta-feira – Grupo Mamulengo Sem Fronteiras-DF espetáculo “Exemplos de
Bastião” Escola Classe 02 às 14h. Exemplos de bastião é um espetáculo que conta a história de um palhaço de fulia de reis que se mete em grandes confusões com sua burrinha relâmpago, sempre trabalhando com a comunicação direta e a participação voluntária do público, que é considerado como um elemento a mais no espetáculo, podendo interferir e até determinar novos rumos para a história.

Dia 11/12 quarta-feira – Grupo Tato Criação Cênica-PR espetáculo “Tropeço” espaço
Lábios da Lua setor sul às 20h. Espetáculo não recomendado para menores de 16 anos.
Tropeço quer dar vida ao simples. Sobre uma mesa, com baús e alguns pequenos objetos
cria-se um mundo onde dois atores manipuladores e suas mãos dão vida a duas personagens: duas velhas que moram juntas. Partindo da costumeira visão que temos da velhice mostra-se sua solidão e as pequenas ações rotineiras, porém cria-se um universo de sutileza e extravagância, poesia e comicidade em mãos que andam, dançam, bebem, respiram, riem e choram.

Dia 12/12 quinta-feira – Passeio a Olhos d’água Goiás, vamos conhecer o simpático
vilarejo que vai receber o encontro nacional de teatro de bonecos em julho de 2020. Das
10h. às 16h.

Dia 13/12 sexta-feira – Grupo Voar Teatro de Bonecos-DF espetáculo João e o Pé de
Feijão Escola Classe 17 às 11h. Um conto popular rico em simbolismo, uma aventura fantástica e de elementos mágicos: a semente que brota até o céu, a galinha dos ovos de ouro, o terrível gigante, a harpa encantada, tudo isso encenado com o encanto do teatro de bonecos.

Dia 13/12 sexta-feira – Cia. Jorge Crespo-DF espetáculo “inventos alegres do vovô”
escola classe 17 às 14h. Espetáculo infantil, que tem como protagonista o Vovô Azul. Ele tem a cabeça repleta de bons sentimentos e está sempre preocupado em criar alguma situação útil para resolver as dificuldades de relacionamento entre as pessoas.
Dia 13/12 sexta-feira – Cia. Lumiato Formas Animadas-DF espetáculo “Iara o Encanto
das Águas” espaço galpãozinho setor central às16h.

Espetáculo de teatro de sombras inspirado na lenda e no mito da sereia brasileira, IARA.
Busca sensibilizar o público infanto-juvenil sobre os saberes da tradição oral dos povos
originários do Brasil. Na pesquisa do universo mitológico indígena foi escolhido o tema da
sereia Brasileira, a Iara, por encontrar nela um grande potencial simbólico que possibilita sua encenação em teatro de sombras.

Dia 14/12 sábado – Grupo Mamulego Mulungu-DF espetáculo “Brincadeira de
Mamulengo” Santo Bar na feira permanente às11h.

Espetáculo solo de Carlos Machado, mamulengueiro candango que há muitos anos roda o país se apresentando em assentamentos, aldeias, praças, escolas e em lugares onde o teatro jamais chega. Sua brincadeira de mamulengo é oriunda da tradição do teatro de bonecos popular que veio do nordeste e há mais cinquenta anos criou raízes nas periferias de Brasília.

Dia 14/12 sábado – Grupo Metamorfaces-SP espetáculo “O Mundo Mágico de Abilê
Abilá” espaço Lábios da Lua às17h. O Mundo Mágico de Abilê Abilá; é um espetáculo leve, engraçado e cheio de traquinagens do personagem principal: o palhaço Abilê Abilá. Acompanhado de sua trupe de bonecos, apresenta ao público um mundo lúdico e mágico, tendo a alegria como seu estandarte! Mas sem deixar de lado pinceladas rápidas de drama, que surgem no decorrer do espetáculo, para mostrar a línea tênue entre o drama e o riso, o ser adulto e o ser criança. Espetáculo com estilo circense, vibrante e com grande participação do público.

Dia 15/12 domingo – Grupo Mamulengo Alegria-DF espetáculo “O Casamento de
Chiquinha Muito Prazer Filha do Coronel João Redondo com Tião Sem Sorte”, Parque
infantil do setor leste às16h. Chiquinha Muito Prazer e Tião Sem Sorte estão apaixonados e pretendem se casar. Ela, filha do Coronel João Redondo, o homem que manda e desmanda na região. Tião desempregado há dez anos. O pai da noiva o Coronel grosso, antipático, é contra a união dos dois, Tião não tem sequer dinheiro para comprar o buquê nem a aliança é um sem futuro. Neste momento entra em cena o personagem Futrica, primo de Chiquinha, que utiliza as terras do tio para plantar as flores que serão utilizadas pela noiva no casamento.

Dia 15/12 domingo – Grupo Mamulengo Fuzuê-DF espetáculo “Benedito Abençoado e
Bendizido” Parque infantil do setor leste às 16h30. O espetáculo “Benedito, Abençoada e Bendizido” é baseado na dramaturgia popular do mamulengo e no teatro de rua. No espetáculo personagens do passado ganham uma nova roupagem, interagindo com questões da atualidade. Os palhaços, Músicos e bonecos de mamulengo, criam um roteiro de ações dramáticas com: mágicas, rezas, músicas, ditos e ditados populares que revelam ao público velhas soluções para os novos desafios que surgem da modernidade.

Informações

festineco@gmail.com
www.festineco.com
Fone: (61) 99901-3822

Anterior Marcelo Marcelino se apresenta em Águas Claras, dia 12
Próximo Luan Santana faz show Solidário em Brasília neste sábado