A obra completa de Fellini está em exibição no Cinema do Centro Cultural Banco do Brasil – CCBB Brasília – até 27 de dezembro de 2020, com entrada franca. A mostra “Fellini, Il Maestro” homenageia os 100 anos de nascimento do mestre do cinema italiano.

A filmografia de Federico Fellini possui títulos que se tornaram ícones da cinematografia mundial e consequentemente objeto de profundo estudo por importantes teóricos do Cinema. Nada mais relevante do que promover um Debate sobre a vida e obra do cineasta. A ação online está marcada para quinta (17 de dezembro), às 20 horas, e vai contar com as participações de João Lanari Bo e Tania Montoro. A mediação fica por conta do curador da mostra, Paulo Ricardo Gonçalves de Almeida. O acesso é gratuito pelo link: bit.ly/DebateFelliniCCBBDF

“Vamos fazer uma interlocução e interação qualitativas sobre os filmes que mais impactaram; e as diferentes formas de recepção que a obra, sempre muito atual, provoca. É um diálogo aberto sobre a relação dialética, que se estabelece entre personagens, diálogos, cenários, histórias, dentro do marco de um cinema com elevada qualidade artística.” Descreve Tania Montoro.

“Como podemos nos aproximar dessa fala felliniana?” Questiona João Lanari Bo. “Uma fartura de fontes, que configuram um percurso de expressão transbordante, excessivo, carnavalesco – se tivesse nascido em São João de Meriti, Fellini seria diretor de Escola de Samba, sem dúvida. Mas nasceu em Rimini, e ali vivenciou as experiências que iriam conformar seu inconsciente.” Completa.

O curador Paulo Ricardo Gonçalves de Almeida convida: “A mostra traz todos os filmes dirigidos por Fellini. Talvez o mais conhecido diretor de cinema do mundo, a ponto de virar adjetivo, Fellini teve muitas faces, do neorrealista ao onírico, passando pelo crítico social implacável. Todos eles estão presentes na mostra”.

A Mostra “Fellini, Il Maestro” passou pelos CCBBs Rio de Janeiro e São Paulo e seria exibida em Brasília entre março e abril. Com a pandemia, sua data foi adiada e finalmente toda a obra do gênio do cinema italiano chega ao CCBB Brasília, de graça, com respeito aos protocolos de segurança recomendados pela OMS (Organização Mundial da Saúde).*

No dia 22 de dezembro (terça), às 16:30, o filme “Amacord” ganha uma sessão inclusiva para deficientes visuais e auditivos.

O projeto é patrocinado pelo Banco do Brasil, por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura. A retrospectiva tem curadoria de Paulo Ricardo Gonçalves de Almeida, com produção de Voa, com 24 títulos programados, incluindo a obra de estreia de Fellini, “Mulheres e Luzes”, de 1950, codirigido por Alberto Lattuada, indo até o último filme do mestre, “A Voz da Lua”, de 1990.

Confira a programação da mostra:

17/12 (quinta):

14:00 – Estrada da Vida (Itália, 1954). 108 min. Livre.
17:00 – Oito e Meio (Itália, 1962). 138 min. Livre.
20:00 – Debate Fellini com Tania Montoro e João Lanari Bo. Livre.

18/12 (sexta):

17:15 – Os Palhaços (Itália/França/Alemanha, 1970) 92 min. Livre.
19:45 – Roma (Itália, 1972). 120 min. Livre.
19/12 (sábado):
16:00 – Histórias Extraordinárias (Itália/França, 1965). 121 min. Livre.
19:00 – A Doce Vida (Itália, 1960). 174 min. Livre.

20/12 (domingo):

14:30 – A Trapaça (Itália, 1955). 113 min. Livre.
17:30 – Ginger e Fred (Itália, 1986). 125 min. Livre.
20:45 – Ensaio de Orquestra (Itália, 1978). 70 min. Livre.

22/12 (terça):

16:30 – Amarcord (sessão inclusiva) (Itália, 1973). 123 min. Livre.
19:30 – A Cidade das Mulheres (Itália/França, 1980). 139 min. Livre.

23/12 (quarta):

16:15 – E la Nave Va (Itália, 1983). 132 min. Livre.
19:30 – Julieta dos Espíritos (Itália, 1965). 137 min. Livre.

26/12 (sábado):

16:15 – Os Boas Vidas (Itália, 1953) 107 min. Livre.
19:00 – A Doce Vida (Itália, 1960). 174 min. Livre.

27/12 (domingo):

16:15 – Casanova de Fellini (Itália, 1976). 155 min. 14 anos.
19:45 – Roma (Itália, 1972). 120 min. Livre.

Serviço:

Debate com João Lanari Bo e Tania Montoro
Data: 17 de dezembro de 2020 (quinta) às 20 horas
Link de acesso gratuito: bit.ly/DebateFelliniCCBBDF
Mostra “Fellini, Il Maestro”
Local: Centro Cultural Banco do Brasil Brasília (Setor de Clubes Sul – Trecho 2 – Lote 22)
Data: Até 27 de dezembro de 2020
Entrada franca – Os ingressos gratuitos serão disponibilizados no app ou site da Eventim no dia da sessão, a partir das 9h. Até 2 (dois) ingressos por CPF.
Lotação: 30 lugares.

Anterior Pedro Berto com seu Regional na Galeria Mundo Vivo
Próximo Final de temporada de “The Titan Games” com The Rock