O espetáculo Unalome realiza últimas apresentações em Taguatinga neste fim de semana 

Primeiro espetáculo do Coletivo ao Vento, “Unalome” dá expressão artística a símbolos e arquétipos universais por meio da linguagem circense. Tratando sobre os conflitos internos enfrentados pelo ser humano em seu contínuo processo evolutivo, a montagem reúne em cena quatro mulheres que desvendam suas trajetórias de amadurecimento. A montagem inédita realiza suas últimas apresentações no Espaço Levitáre de Acrobacia, em Taguatinga, no próximo sábado às 20h e domingo às 19h (14 e 15 e setembro).

“Unalome” é um símbolo budista que remete ao caminho em direção ao Nirvana, ao desenvolvimento de uma percepção mais ampla. Entre momentos luminosos e sombrios, o espetáculo retrata a dinâmica individual, interna e invisível da qual não podemos fugir enquanto vivenciamos as relações externas, sociais e coletivas. Trata do processo de construção da identidade e da conexão intrínseca entre o ser humano e os ciclos naturais.

Para isso são utilizados recursos como o teatro de sombras, malabares, bambolês, contorção e acrobacias em uma narrativa não linear, mergulhando na essência do feminino e na figura arquetípica junguiana da mulher livre.

Dirigido por Nara Faria é a primeira produção do Coletivo ao Vento, grupo multiartístico de mulheres formado por Nanci Cravinho, Marcella Seixas, Paloma Menino e Lívia Brandão. As apresentações acontecem com apoio do Fundo de Apoio à Cultura da Secretaria de Cultura do Distrito Federal (FAC/DF).

Serviço

“Unalome”
Datas: 14 e 15 de setembro no Estúdio Levitàre – Acrobacias Aéreas
QSB 14, Lote 23, Galpão – Taguatinga Sul, Brasília – DF.
Horário: sexta 20h e sábado 19h
Ingresso: R$ 10 a inteira
Classificação livre

Anterior Evento de gastronomia e artesanato no Pier 21
Próximo Vinalla Vinhos expõe mais de 15 rótulos no Pontão