Por Eduardo Villela

O mercado editorial de livros didáticos é bastante amplo. E, para você que deseja escrever um livro universitário para alunos de graduação, vou te deixar algumas dicas:

• Um livro universitário pode atender o conteúdo programático de uma ou mais matérias em um curso de graduação. Porém, é mais interessante se a sua obra puder atender mais de uma disciplina, pois será utilizada por um número maior de professores e alunos em sala de aula, ou seja, o alcance de leitores será maior.

• A finalidade de um livro universitário é contribuir para a formação teórico-reflexiva do aluno em determinado assunto. Além da parte teórica, é importante agregar também conteúdos voltados a prática do mundo real, ou seja, o aluno precisa entender como os conceitos aprendidos podem ser aplicados no dia a dia. E como fazer isso? Trazendo exemplos de situações reais, cases, planilhas, exercícios, propostas de atividades em sala de aula, entre outras ferramentas.

• É muito importante hoje em dia que um livro universitário tenha integração com a internet por meio de um site com conteúdo complementar para os alunos e os professores. Exemplos de conteúdos para alunos: vídeo-aulas dos autores aprofundando os temas de cada capítulo, planilhas para simulações, exercícios e cases extras. Para os professores: exercícios resolvidos, sugestões de conteúdos adicionais de aprofundamento para serem trabalhados em sala de aula, questões extras para elaboração de provas e testes e resumos de capítulos em ppt que funcionam como guias para as aulas.

• É importante entender que o livro universitário tem dois públicos: alunos e professores. O papel do professor é determinante. Explico: após a avaliação de um professor, caso tenha gostado de um livro específico, ele o adotará como manual base de seu curso, indicando-o aos seus alunos.

Por fim, procure sempre ser o mais didático possível em seus textos, pensando nas necessidades de aprendizagem dos alunos para que eles entendam e tenham a melhor experiência de estudo. E lembre-se de atualizar o livro ao longo dos anos, conforme evoluem a ciência, a tecnologia, a política, a economia, a sociedade e as leis.

Sobre Eduardo Villela

Sobre Eduardo Villela – Graduou-se em Relações Internacionais e cursou mestrado em administração, ambos na PUC-SP (Pontifícia Universidade Católica). Trabalha com escrita e publicação de livros desde 2004, já lançou mais de 600 livros de variados temas, entre eles comportamento e psicologia, gestão, negócios, universitários, técnicos, ciências humanas, interesse geral, biografias e ficção infanto-juvenil e adulta.

Trabalhou como editor de aquisições de livros universitários e de negócios na Editora Saraiva, editor de livros de negócios na editora Campus-Elsevier, gerente editorial de todas as linhas de publicações na Editora Gente e copublisher e diretor comercial na Editora Évora. Mais informações emhttp:// www.eduvillela.com

Anterior Eudes Carvalho lança novo álbum em Live Streaming
Próximo Ultraman R&B e Professor estreiam no Cinema Virtual