Reggae, pop e trap se misturam na faixa “Lavanda” de Dada Yute, que sai com clipe pela Som Livre

O paulista Dada Yute sempre soube que a música teria um grande papel em sua vida a partir do momento em que se apaixonou pelo reggae. Há mais de 15 anos presente na cena artística com shows nacionais e internacionais na bagagem, Dada agora integra o casting de artistas do Inbraza. O novo selo pop da Som Livre em parceria com a Liga Entretenimento leva a assinatura dos Dogz, trio de produtores formado por Pablo Bispo, Sérgio Santos e Ruxell. Dada Yute promete apresentar canções carregadas de tons místicos e mensagens positivas, destacando a liberdade e a natureza, resgatando a cultura da Jamaica e do reggae, somadas a ritmos contemporâneos, como o pop e o trap.

Provando tudo isso, Dada lança nesta sexta-feira, 18 de outubro, a faixa “Lavanda”  ouça nas plataformas de músicaO videoclipe gravado nas belezas naturais do Guarujá inaugura o canal de YouTube do Inbraza – assista aqui. O primeiro lançamento de Dada pelo Inbraza traz beats do produtor Ruxell e carrega toda a personalidade e essência do artista, que fala sobre uma paixão sobrenatural, com o refrão: “Ela tem perfume de lavanda/E o seu sorriso é como a lua de Luanda/Ela é quem me lava a alma” e os trechos “A sua pele é como uma flor/Já sinto o sabor/É doce como manga-rosa/O seu olhar é a luz do sol/E eu, girassol/E a nossa cama um jardim”.

Dada explica que o processo criativo da canção teve uma grande sincronicidade com o produtor musical Pablo Bispo. “Parece até que saiu de uma história de um livro de romance africano, cujo nome da donzela era Lavanda. Sem saber o que eu estava passando, o Pablo trouxe a ideia e o nome da música, que casou perfeitamente com uma das experiências mais românticas que eu já tive na minha vida”, conta o cantor.

Responsável pelos beats de “Lavanda”, o produtor Ruxell fala sobre as inserções de diferentes sonoridades ao reggae: “A gente quer trazer uma estética nova pra cena do reggae brasileiro, o new roots. Achamos que tem muito a ver essa fusão do trap com o reggae e o pop urbano e vamos apostar nessa estética em todo o trabalho que estamos fazendo com o Dada”, explica.

Dada Yute comemora o atual momento da carreira e fala sobre suas expectativas nesta nova fase: “Me sinto colhendo frutos de sementes que venho plantando nos últimos 15 anos. Estou realizando o sonho da minha vida em um nível altíssimo e profissional. Minha expectativa com “Lavanda” está gigante, por ser a primeira que vou lançar neste novo projeto e eu só torço para que as pessoas consigam sintonizar na vibe do som. Palam Gang!“, finaliza Dada com a expressão de positividade criada pelo próprio.

Conheça mais sobre Dada Yute e sua carreira neste vídeo.

“Lavanda” – Dada Yute

(Composição: Dada Yute/Pablo Bispo/Ruxell/Sergio Santos)
Ela tem perfume de lavanda
E o seu sorriso é como a lua de Luanda
Ela é quem me lava a alma
Lava a alma, lava a alma

A sua pele é como uma flor
Já sinto o sabor
É doce como manga-rosa

O seu olhar é a luz do sol
E eu, girassol
E a nossa cama um jardim

E logo eu
Que nunca fui de observar
As voltas que o mundo dá
E de repente eu reparei
Na cor do seu vestido

Eu fiz uma oração pra Jah
Nas águas de Iemanjá
Que as ondas te levassem a mim
No barco mais florido

Sobre Dada Yute

Ao longo de sua carreira, Dada já se apresentou em diversas cidades pelo Brasil e em países como Jamaica, Espanha, Portugal, França, Chile e México. Entre suas colaborações estão artistas como Rashid, na faixa “Todo Dia” (2019), Heavy Baile em “Se Ela Vim” (2018) e Tropkillaz, no single “Naturalmente” (2018). Dada participou também do álbum ‘Jah-Van’ (2018), de releituras das músicas de Djavan em ritmo de reggae, ao lado de cantores como Ivete Sangalo, Arnaldo Antunes, Criolo, Seu Jorge e Rincon Sapiência. Em 2019, Dada convidou Zélia Duncan e a percussionista Lan Lanh para um show em homenagem à Cassia Eller, onde apresentaram releitura dos sucessos da cantora com instrumentos e musicalidade jamaicana.

Sobre Inbraza

O novo selo pop é uma parceria da Som Livre com a Liga Entretenimento e leva a assinatura dos Dogz, trio de produtores formado por Pablo Bispo, Sérgio Santos e Ruxell. O objetivo é apostar em novos artistas com diferentes sonoridades e formatos. Oito artistas fazem parte do casting inicial: Ana K, Aya, Blue, Carol Bambo, Dada Yute, Kynnie, Lukinhas e Ruxell.

Sobre a Som Livre

De 1969 para cá o mercado fonográfico mudou, assim como a forma de se consumir música. Hoje, 50 anos depois de sua criação, a Som Livre é muito mais do que uma gravadora, é o espelho musical do país. Uma empresa 100% nacional voltada para a música, seja qual for a sua plataforma e que reflete, através de seus lançamentos, o gosto e o hábito de consumo do brasileiro.

A Som Livre possui diversas frentes de negócios: venda física, digital, shows, licenciamento e editora. Em seu time são mais de 100 artistas e sua editora é uma das mais importantes do país, representando os direitos de compositores nacionais e internacionais. Na linha de shows, a empresa aposta em festivais de música, que acontecem por todo o país, com as marcas Festeja, Viva Mais Música e Arena Pop.

somlivre.com

facebook.com/somlivre

instagram.com/somlivre

twitter.com/somlivre

Anterior Dois Papas de Fernando Meirelles já ganhou quatro prêmios
Próximo Em nova campanha, SBT reforça programação local em Brasília