O romance YA “Contando Estrelas” da best-seller Luciane Rangel, mergulha na jornada de amadurecimento de Elisa ao conhecer o peculiar Fábio

Superação, amizade, amor improvável, luto, autoconhecimento, amadurecimento, tabus da adolescência e representatividade LGBTQIAPN+. Esses são alguns dos temas principais que a best-seller da Amazon e autora de mais de 40 livros, Luciane Rangel, apresenta do romance Young Adult Contando Estrelas.

Neste enemies to lovers, com um toque de realismo mágico, o leitor conhece Elisa, uma adolescente egocêntrica que tem uma vida privilegiada e vive em um mundo de aparências. Popular na escola e rodeada de amigas, a jovem é designada pela professora a fazer dupla com o novo aluno do colégio: Fábio – um rapaz peculiar que tem o hábito de criar origamis em formatos de estrelas. Juntos, eles precisarão fazer um trabalho voluntário no hospital infantil da cidade.

Inicialmente, Elisa enxerga Fábio como um garoto esquisito e passa a implicar com ele. Mas, com o tempo, a menina percebe que há mais por trás do hábito de dobrar origamis e passa a nutrir admiração pelo rapaz – o garoto faz uma estrelinha de papel toda vez que sente que ajudou alguém de verdade. Assim como a lenda japonesa Lucky Star, seu objetivo é juntar mil estrelas, pois acredita que assim ele poderá tornar um desejo realidade.

Mais que um romance colegial, nesta obra Luciane Rangel oferece uma reflexão sobre a importância do trabalho voluntário e como as experiências compartilhadas podem moldar as relações interpessoais. Afinal, quanto mais Elisa se aproxima de Fabio e vivencia momentos sensíveis com as crianças do hospital, a protagonista rompe com os próprios estigmas de preconceito e superficialidade.

– Sabe, menina? Nem sempre nós sabemos o que é melhor para as nossas vidas.
Mas tudo fica mais fácil quando você passa a enxergar o mundo com outros olhos.
(Contando Estrelas, p. 19)

Publicado pela Qualis Editora, Contando Estrelas desmistifica questões da adolescência e mostra o quão difícil é o processo de transformação e amadurecimento. A obra também é uma lição sobre a importância de ser gentil e não julgar as pessoas, e evidenciar que o poder do amor verdadeiro não tem a ver com aparência e status social.

Contando Estrelas
Capa do livro Contando Estrelas | Imagem: Ilustrativa

Ficha técnica:

Título: Contando Estrelas
Autora: Luciane Rangel
Editora: ‎Qualis
Gênero: Romance YA
ISBN: 978-8568839492
Páginas: 263
Preço: 38,90
Onde encontrar: Amazon e Qualis Editora

Sobre a autora:

Luciane Rangel iniciou sua carreira escrevendo livros de Fantasia e Romance YA. Atualmente, dedica-se a outra paixão literária: os romances clichês para público adulto. É formada em Direito, mas abandonou a vida jurídica para se dedicar ao que mais ama, que é escrever suas histórias.

Luciane é canceriana nata, nasceu no Rio de Janeiro, é leitora, dobradora de papel, apaixonada por cães (e gatos também!), geek, dorameira, jedi, lufana, além de sailor nas horas vagas. Soma mais de 40 livros publicados – a maioria pela plataforma da Amazon. Os seus últimos lançamentos estiveram entre os 40 títulos mais vendidos no ranking geral da Amazon Brasil, que a tornou best-seller da plataforma.

Redes sociais: Instagram: @luciane_rangel | TikTok: @luciane_rangel

Sobre a editora:

Sobre a editora: Há mais de 15 anos, a Qualis se destaca no cenário literário como uma editora tradicional, reconhecida por seu comprometimento com a promoção e o investimento em talentos nacionais. Criada em 2008 com a missão de disseminar o conhecimento científico produzido no âmbito acadêmico, a editora se reinventou e ampliou seu alcance com o selo de literatura.

Todo esse processo sem jamais se desviar de um objetivo essencial: contribuir para uma sociedade mais justa e sem preconceitos. Sustentada por uma visão inclusiva e diversificada, a Qualis tem como norte o princípio de que todas as vozes merecem ser ouvidas e, todas as histórias, contadas.

Redes sociais: Instagram: @qualiseditora | LinkedIn | Site