Quarentena criativa: Clube de Autores registra aumento de 40% em publicações de livros. Plataforma de autopublicação aponta crescimento em obras sendo lançadas desde o início do isolamento social causado pela Covid-19

O levantamento feito pela Nielsen Bookscan do último mês revelou que a quantidade de ISBN (International Standard Book Number), número de identificação que todo livro recebe antes de ser lançado, caiu 22% em abril deste ano comparado ao mesmo mês de 2019. A maior plataforma de autopublicação da América Latina, Clube de Autores, notou o oposto. Houve um aumento de 40% de publicações em seu site nos últimos dois meses.

Foram 1097 livros lançados pela plataforma em abril de 2020 contra 780 no mesmo período do ano passado – uma diferença significativa. “Vivemos em um momento difícil para todos com o isolamento social, mas ver que muitos estão conseguindo aproveitar esse tempo para exercer a escrita e ainda ter a oportunidade de publicar suas histórias é algo que nos deixa animados” diz Ricardo Almeida, CEO do Clube de Autores.

Desde o fechamento do varejo, diversas editoras cancelaram ou adiaram lançamentos por tempo indeterminado. Em contrapartida, na plataforma do Clube de Autores as obras podem ser publicadas por qualquer pessoa e gratuitamente.

Sobre o Clube de Autores

O Clube de Autores é a maior plataforma de autopublicação da América Latina. Hoje, a plataforma on demand, representa cerca de 23% de todos os livros publicados no Brasil no último ano. Além disso, oferece uma gama de serviços profissionais para os autores independentes que pretendem crescer e se desenvolver no mercado de literatura. A empresa, comandada por Ricardo Almeida, fechou o ano de 2019 com uma rentabilidade 50% maior do que no ano anterior.

Anterior Apresentações cênicas de Jé Oliveira e Gustavo Gasparani
Próximo Anitta ao vivo no Festival Latinos Unidos neste sábado (23)