Casa Niemeyer, localizada no Park Way, recebe exposição com obras de artistas brasileiros do século XXI 

Em dezembro a Casa Niemeyer receberá a exposição “Triangular: arte deste século – Aquisições recentes para o acervo da Casa da Cultura da América Latina da Universidade de Brasília”. A exposição celebrará as novas aquisições de arte contemporânea da Universidade de Brasília – UnB e contará com obras de artistas de todo o Brasil. A mostra terá entrada gratuita e ficará aberta até agosto de 2020.

A Casa Niemeyer, localizada no Park Way, projetada pelo próprio Oscar Niemeyer para lhe servir de morada durante a construção de Brasília, hoje pertence ao patrimônio da UnB e é associada à Casa da Cultura da América Latina – CAL. Ambas integram a Diretoria de Difusão Cultural da Universidade de Brasília.

O nome da exposição é inspirado na ‘Abordagem Triangular’ da professora doutora Ana Mae Barbosa. Referência na área de Arte-educação, Ana Mae foi a primeira pesquisadora no Brasil a ter doutorado na área e a preocupar-se com a sistematização do ensino de Arte em museus do país. A abordagem teorizada por Ana Mae tem por objetivo melhorar o ensino de artes, de forma que o aluno e o professor reflitam de forma crítica sobre arte, assegurando uma aprendizagem mais significativa que se baseia em três pilares: contextualização, apreciação e prática.

Aplicada a curadoria, que é assinada por Ana Avelar, curadora da Casa Niemeyer e professora de Teoria, Crítica e História da Arte na UnB, e Gisele Lima, curadora independente e ex-aluna do mesmo curso, o método de Ana Mae tem por objetivo ressaltar a importância do museu universitário dentro da sociedade contemporânea.

“Os museus universitários oferecem – e são local privilegiado para isso – um espaço de formação oficial de curadores, críticos, museólogos, pesquisadores e outros agentes do meio artístico. São instituições fundamentais para a formação de qualquer estudante voltado às artes visuais, oferecendo uma experiência profissionalizante. Os alunos e alunas têm a oportunidade de discutir arte in loco, algo insubstituível para a formação deles e delas”, explicou Avelar, que já foi responsável pela curadoria de importantes exposições em Brasília como, ‘Brasília Extemporânea’, ‘Quando formas se tornam relatos’ e ‘Detrito Federal’.

Para a curadora Gisele Lima, formada na UnB, a aquisição de acervos, a aberturas de exposições e a existência de um espaço museal da Universidade aprimoram a formação de profissionais e pesquisadores. “Encerrei minha graduação em Teoria, Crítica e História da Arte na UnB em 2016, naquela época não existiam projetos como esse, de pesquisa, montagem de acervo e curadoria. Senti falta desse tipo de estudo, pois ele possibilita a redescoberta de obras, a construção de novas leituras e contextos para a produção artística. Além da comunidade, que ganha uma exposição muito rica, pesquisadores e acadêmicos terão agora mais um espaço para ampliar suas pesquisas”, afirma Lima.

Com a exposição e aquisição das obras que farão parte da mostra, a Casa Niemeyer será o principal braço de arte contemporânea da Universidade de Brasília, possibilitando que toda a comunidade tenha acesso às obras e fomentando à pesquisa acadêmica no campo da produção artística brasileira realizada neste século. A exposição contará com uma diversidade de suportes como vídeos, intervenções, performances, objetos escultóricos e pinturas. Todas as obras apresentadas integrarão a coleção Triangular: arte deste século, como parte do acervo da CAL/UnB.

No dia 6 de dezembro, durante a vernissage, o artista visual Denilson de Oliveira Monteiro, mais conhecido como Denilson Baniwa, performará uma de suas obras que fará parte do acervo na CAL. O artista, do povo indígena Baniwa do estado do Amazonas, busca novas possibilidades para a arte, refletindo sobre a questão do ser indígena na contemporaneidade. Baniwa percorre diferentes caminhos na arte, produzindo desde pinturas a performances e videoarte.

Serviço

Triangular: arte deste século – Aquisições recentes para o acervo da Casa da Cultura da América Latina da Universidade de Brasília
Vernissage: 06 de dezembro de 2019
Abertura ao público: 07 de dezembro de 2019
Local: Casa Niemeyer. SMPW 26 Conjunto 03 Casa 07 – Park Way, Brasília – DF
Mais informações
Email: mostra.acervo.casaniemeyer@gmail.com
Telefone: (61) 98483-2284 / Samara Correia
Redes sociais: Instagram / Facebook

Anterior Conheça algumas vantagens do Macarrão
Próximo Longa baseado em sucesso da Nickelodeon estreia nos cinemas