Tradutor de Diário de um Banana lança livro infantojuvenil Capitão Mimo

Narrativa mescla referências dos anos 1980, amizade, brincadeiras de rua e as marcas deixadas pelos animais ao entrarem e saírem da vida das pessoas.

Uma história para leitores a partir de oito anos e também para cada criança dentro de um adulto que viveu a infância na década de 1980: Capitão Mimo é o lançamento do escritor e tradutor Alexandre Boide, publicado pela VR Editora. O finalista do Prêmio Barco à Vapor 2018 juntou referências da época – gibis, videogames, a vida livre pelas ruas – com temas universais, como amizade, os desafios do crescimento e as marcas que os animais deixam ao entrarem e saírem da vida das pessoas.

Nico e seus amigos têm dez anos e estão às portas de uma nova etapa da vida, a pré-adolescência. A relação entre os garotos começa a desmoronar quando, nas longas férias de verão, o ferro-velho do bairro, aquele local mágico e secreto onde a galera se reúne para viver várias aventuras, corre o risco de ser descoberto. É aí que ressurge Mimo, ou Capitão Mimo, cachorro do protagonista, para salvar o dia.

É no meio deste turbilhão de acontecimentos que o personagem lida com a percepção de que tudo pode se desfazer em um instante, afinal, crescer é passar pelo luto de abandonar uma experiência e iniciar outra. Conhecimento das emoções, o poder das amizades, noções de ganhos e as perdas são inseridas na vida de Nico e do pequeno leitor que acompanha a história.

Uma das lições que quase ninguém se preocupa em ensinar é como abrir mão das coisas. A perda costuma ser associada a um trauma. A decadência é vista como consequência do abandono, mesmo quando o abandono é justamente causado pela decadência. Mas também seja difícil ensinar que às vezes é melhor deixar tudo pra trás e partir pra outra. É o tipo de coisa que se aprende melhor sozinha, quando sente essa necessidade por si mesma, um tipo de aprendizado que vem de dentro.
(Capitão Mimo, p. 63)

Em uma narrativa que ecoa as clássicas histórias protagonizadas por crianças diante dos desafios do crescimento, Alexandre Boide transporta os leitores para um tempo e lugar específicos, sem deixar de ser universal e atemporal. Uma verdadeira celebração da amizade, nos bons e nos maus momentos.

Capitão Mimo
Capa do livro Capitão Mimo | Foto: Ilustrativa

FICHA TÉCNICA

Título: Capitão Mimo
Autor: Alexandre Boide
Ilustrador: Tiago Lacerda
Editora: VR Editora
ISBN: 978-65-86070-56-9
Páginas: 92páginas
Formato: 17 x 24 cm
Preço: R$47,41
Link de venda: https://vreditoraloja.com.br/produto/infantojuvenil/capitao-mimo/

Sobre o autor:

Alexandre Boide nasceu em São Paulo em 1979. Cresceu em uma época em que as calçadas e ruas paulistanas ainda eram lugar de brincadeiras, mas sem nunca deixar de lado o gosto pelos videogames, livros e gibis. Tanto que, não muito depois de entrar na faculdade de Letras, foi trabalhar em uma editora que publicava não só livros, mas também histórias em quadrinhos e revistas sobre games.

Duas décadas mais tarde, continua cercado de papéis, desenhos e eletrônicos, traduzindo livros e HQs para adultos e crianças, como a série Diário de um Banana (VR Editora) e tirinhas de personagens icônicos como Snoopy e Garfield. Vive em São Carlos (SP), com sua família e um casal de gatinhos vira-latas adotados.

💬
ACESSE E DIVULGUE NOSSA PÁGINA DE APOIO DA REVISTA E SITE AQUI TEM DIVERSÃO 👇

💬OU APOIE COM QUALQUER VALOR!

 

Anterior CASACOR Brasília 2021 - Tema Casa Original da 29ª mostra
Próximo Ana Carolina, 📷 ela está de volta ao Bella da Semana