Athos Bulcão em sua casa


Campanha da Fundação Athos Bulcão busca apoiadores para produzir e distribuir o Calendário Ilustrado 2017, que leva para a casa dos admiradores do artista imagens de 12 diferentes obras de arte

Está no ar a campanha de financiamento coletivo para produção do Calendário Ilustrado Athos Bulcão 2017. A partir de R$ 20,00, o público pode colaborar, até o dia 30 de novembro, com a produção e distribuição do calendário. Em troca, o apoiador recebe exemplares da publicação, ilustrada com obras de um dos maiores artistas brasileiros, e lindas recompensas que reproduzem padrões do multiartista, como marca-páginas, cartões-postais, livros, ecobags, baralhos, conjuntos de imãs, mousepads, tags para malas, colares de prata e até molduras de azulejos, além de ter o seu nome impresso na publicação, na seção de agradecimentos. A recompensa especial para colecionadores oferece, em troca do apoio, um pequeno engradado de madeira com 6 garrafas de Coca-cola de 200 ml, ilustradas com os famosos padrões de azulejos.

No Calendário Ilustrado 2017, o público poderá admirar, em cada um dos meses do ano, obras de integração entre arte e arquitetura de Athos Bulcão, como relevos, vitrais e divisórias, localizados em edifícios públicos de Brasília e de outras cidades do país. “Mestre na criação de painéis em azulejos, Athos, ao longo de 70 anos de carreira, trabalhou também de forma muito criativa com outros tipos de materiais em suas intervenções artísticas, como o mármore, o concreto, o vidro, o ferro e a madeira, que tenho certeza que o público vai adorar conhecer”, explica Valéria Cabral, secretária executiva da Fundação Athos Bulcão. Além disso, a publicação apresenta a obra Máscara Bizantina, peça recém-adquirida pela instituição que divulga e preserva o legado do artista.

O mês de janeiro, como é tradição, traz releituras da obra de Athos produzidas em atividades de arte e educação. Desta vez, foram escolhidos colagens e desenhos criados por adolescentes que cumprem medida socioeducativa em Unidades de Internação do Distrito Federal, fruto do projeto de exposições itinerantes de gravuras e oficinas que a Fundação tem desenvolvido ao longo de 2016.

Para ser um apoiador, basta acessar a página eletrônica www.catarse.me/calendarioathosbulcao2017, escolher o valor e fazer a contribuição. As recompensas podem ser enviadas por correio para todas as regiões do Brasil ou ser retiradas na loja da Fundação, em Brasília, a partir de dezembro. Empresas também podem participar com uma cota especial e ter o seu logo impresso no calendário.

O Calendário Ilustrado existe desde 1998 e contribui com a divulgação da obra deste importante artista plástico brasileiro ao apresentar 12 diferentes trabalhos a cada ano. Neste aspecto, as campanhas de financiamento coletivo têm se mostrado bastante eficazes. “Se no início do projeto a distribuição do calendário ficava restrita a Brasília, atualmente temos conseguido ampliar o alcance da campanha para outros estados brasileiros e também para o exterior”, conta Rafaella Tamm, coordenadora de pesquisa e projetos da Fundação.

Esta é a quarta campanha de financiamento coletivo do projeto, que vem crescendo a cada ano, sempre com as metas de arrecadação atingidas. A tiragem saiu de 2.500 calendários, no primeiro ano, para 6 mil unidades em 2016. A meta inicial para 2017 é de R$ 40.000,00. As três últimas edições da campanha envolveram 1.117 apoiadores, de 21 estados brasileiros e do exterior.

Sobre Athos Bulcão
Athos Bulcão foi um artista múltiplo. Nascido no Rio de Janeiro, mudou-se para Brasília em 1958, para colaborar na construção da cidade, onde permaneceu até sua morte em 2008. Na capital do país, torna-se um dos principais artistas a desenvolver uma obra integrada à arquitetura. Trabalha em associação com Oscar Niemeyer e posteriormente com o arquiteto João Filgueiras Lima. Sua obra está ligada aos espaços públicos. Em Brasília, pode ser apreciada nos murais, painéis e relevos para os edifícios do Congresso Nacional, Teatro Nacional Claudio Santoro, Palácio do Itamaraty, Palácio do Jaburu, Memorial Juscelino Kubitschek, Capela do Palácio da Alvorada, Hospital Sarah Kubitschek e outros. Em 1971, trabalha com Oscar Niemeyer em projetos na França, Itália e Argélia.

Sua arte vai da pintura em tela, da qual nunca abriu mão, às fotomontagens, da gravura aos desenhos, máscaras, objetos, cenários para teatro e artes gráficas. Em seus painéis em azulejo destacam-se a modulação e o grafismo habilmente criados com base nas formas geométricas.

Sobre a Fundação Athos Bulcão
A Fundação Athos Bulcão é uma instituição sem fins lucrativos, de direito privado e de utilidade pública distrital, que conserva, pesquisa, comunica, documenta, investiga e expõe o acervo de Athos Bulcão para fins de estudo, apreciação e educação. Investir e preservar o patrimônio cultural é trabalho permanente da instituição, que a partir disso, desenvolve projetos e ações que utilizam os bens culturais deixados por Athos Bulcão como recursos educacionais, turísticos e de entretenimento, estimulando em seu público uma percepção crítica da realidade, valorização da arte brasileira e seu patrimônio e do conhecimento. Possui um acervo de obras, estudos e projetos do artista, que exibe em sua galeria.

Serviço

Campanha Calendário Ilustrado Athos Bulcão 2017
Período da campanha: até 30/11/2016
Data limite para o apoiador ter o nome impresso no calendário: 08/11/2016
Contribuições a partir de R$ 20,00 pela página eletrônica: https://www.catarse.me/calendarioathosbulcao2017

Informações: calendarioathosbulcao@gmail.com e fundathos@fundathos.org.br

Anterior Sobre todos os meus vazios
Próximo Wiki Loves Monuments 2016