Com produção da Migdal Filmes, longa Amarração do Amor dirigido por Caroline Fioratti narra história de amor entre uma jovem judia e um umbandista e a divertida disputa entre os futuros sogros

Um folheto escrito “Trago seu amor em 3 dias” foi o que uniu de maneira despretensiosa o casal Bebel (Samya Pascotto) e Lucas (Bruno Suzano). Apaixonados e juntos há 1 ano, eles decidem se casar de maneira simples, numa cerimônia com o jeitinho dos dois. Mas não é bem assim que suas famílias idealizaram esse momento.

Esse é o enredo da comédia “Amarração do Amor”, dirigida por Caroline Fioratti e que estreou nesta quinta-feira, dia 14, em cinemas de São Paulo, Rio de Janeiro, Salvador, Recife, Belo Horizonte, Brasília, Porto Alegre, Vitória, Palmas, Curitiba, Fortaleza, Campinas e Belém, entre outras cidades.

Com distribuição da Paris Filmes, a comédia reúne os protagonistas Bebel (Samya Pascotto) e Lucas (Bruno Suzano), casal de religiões diferentes, e seus pais Regina (Cacau Protásio) e Samuel (Ary França) que vão entrar numa disputa que vai dificultar bastante o momento mais sonhado pelos filhos: o dia do casamento. Pai de Bebel, Samuel (Ary França) fará de tudo para que o casamento siga a tradição judaica, com direito a rupá e rabino.

Mas, para isso, ele vai ter que enfrentar a determinação de Regina (Cacau Protásio), mãe de Lucas e dedicada mãe de santo, que já chega fazendo planos e pedindo que a união aconteça no seu terreiro. É a partir daí que os dois protagonizam uma divertida disputa para que o rito de suas religiões prevaleça, mesmo contra a vontade dos filhos.

– Essa mistura de religiões e tradições tem tudo a ver com a essência do povo brasileiro. Amarração do Amor é um filme original, inovador e que traz de volta às telonas o gênero que tanto faz sucesso aqui: a comédia romântica. O filme promete fazer o público rir e se emocionar com as diferenças culturais deste casamento para lá de inusitado – afirma adianta Márcio Fraccaroli, Diretor Geral da Paris Filmes.

A produtora Iafa Britz, da Midgal Filmes, destaca a consultoria de Mãe Nancy (Umbanda) e de Michel Gherman (Judaísmo) que os auxiliaram desde a concepção do roteiro até as filmagens: “É uma comedia divertidíssima, mas tivemos todo o cuidado ao abordar as tradições de cada uma das religiões”, explica.

“Todos temos alguma história para contar de embate com a própria sogra, ou o próprio sogro. Quisemos contar a história de um casamento como qualquer outro, mas uma união que possivelmente traria uma crise somente no Brasil. Logo neste país tão sincrético, o patriarca judeu (Ary) e a matriarca umbandista (Cacau) travam uma disputa hilária de controle sobre os filhos. Eles vão descobrir que há mais coisas em comum que diferenças, mas são muito teimosos, e esse será o grande desafio para a celebração de amor”, conclui a produtora.

Também estão no elenco Malu Valle, Maurício de Barros, Lorena Comparato, Vinícius Wester, Bel Kutner e Cassio Pandolfh. O longa conta ainda com a participação especial de Berta Loran e Clementino Kelé. Com roteiro de Carolina Castro, Marcelo Andrade e Caroline Fioratti, o filme tem produção da Migdal Filmes, coprodução da Fox Film do Brasil e distribuição da Paris Filmes/Downtown Filmes.

Sinopse

Apaixonados, Lucas (Bruno Suzano) e Bebel (Samya Pascotto) decidem oficializar a união. Mal sabem eles que a religião vai ser um ponto de discórdia entre suas respectivas famílias. Enquanto o pai da noiva, Samuel (Ary França), luta para fortalecer as tradições judaicas dentro de casa; Regina (Cacau Protásio), mãe de Lucas, se esforça para que seu filho leve para sua futura família as tradições da umbanda.

Elenco

Bebel – Samya Pascotto
Lucas – Bruno Suzano
Samuel – Ary França
Regina – Cacau Protásio
Myriam – Malu Valle
Jorge – Mauricio de Barros
Cleide – Lorena Comparato
Ilan – Vinicius Wester
Jota – Ramon Francisco
Youssef – Cassio Pandolfh
Sara – Bel Kutner
Berta – Berta Loran
Salomão – Gilberto Marmorosh (in memoriam)
Irandir – Clementino Kelé
Nair – Carla Daniel
Ficha técnica
Produção: Iafa Britz e Carolina Castro
Direção: Caroline Fioratti
Roteiro: Carolina Castro, Marcelo Andrade e Caroline Fioratti
Direção de Fotografia: Julia Equi
Direção Arte: Ula Schliemann
Figurino: Kika Lopes
Produção Executiva: Marcelo Guerra
Trilha Original: Plinio Profeta
Uma Produção: Migdal Filmes
Em coprodução: Fox Film do Brasil
Distribuição: Paris Filmes/Downtown Filmes
Financiamento: FSA/ANCINE

Sobre a diretora

Caroline Fioratti é roteirista e diretora, formada em cinema pela FAAP, onde começou sua carreira, escrevendo e dirigindo curtas-metragens premiados. Iniciou no mercado como roteirista e logo começou a trabalhar também como diretora. Assinou a direção e roteiro do longa-metragem, Meus 15 Anos, produção da Paris Filmes, que foi uma das maiores bilheterias de 2017. Criou, roteirizou, dirigiu e coproduziu a minissérie infanto-juvenil A Grande Viagem (TV Brasil), indicada ao Internacional Emmy Awards – Kids 2018. Dirigiu as duas temporadas da série médica, Unidade Básica, para o Universal Channel, a segunda na qual assina a direção geral.

Lançou em 2021 três novas obras audiovisuais: o filme 4×100 – Correndo por um Sonho, no qual é uma das roteiristas, o longa-metragem de comédia sobre tolerância religiosa, Amarração do Amor, da Migdal Filmes que assina a direção; e a série policial investigativa, Os Ausentes, para a HBOMax, primeira série brasileira da plataforma, no qual é diretora geral. Caroline, atualmente finaliza seu terceiro longa-metragem – filme que marca seu retorno aos projetos autorais como roteirista, diretora e coprodutora – e dirige a série Temporada de Verão, para a Netflix e o filme Um Ano Inesquecível – Inverno, para o Amazon Prime.

Sobre a Migdal Filmes

A Migdal Filmes, produtora carioca com mais de 10 anos de atuação no mercado, já levou aos cinemas brasileiros mais de 35 milhões de pessoas. Dentre seus mais conhecidos projetos estão os três filmes da trilogia de “Minha Mãe É Uma Peça” (2013, 2016 e 2019), fenômeno de público e crítica; a comédia “Carlinhos e Carlão”, com Luis Lobiando, sucesso no Amazon Prime Video; o filme “Casa Grande”, de Fellipe Barbosa, o documentário musical “Cássia Eller”, “Nosso Lar” em parceria com a Cinética Filmes, “Irmã Dulce” e “Linda de Morrer”. Em 2020 lançou o aclamado longa “M-8 – Quando a Morte Socorre a Vida” de Jeferson De.

Para TV, a Migdal produziu séries como as três temporadas de “As Canalhas” (GNT); “Matches” (Warner Channel) – cujas segunda e terceira temporadas estão em preparação – e “220 Volts” (Multishow), entre outras. No lineup para 2021 a Migdal lança o longa “Amarração do Amor” de Caroline Fioratti, com Cacau Protásio, e produz os longas “Situación Perrengue” de Tomás Portella (Buena Vista) e “O Fim da Inocência” (Globo), de João Jardim.

Redes Sociais Migdal Filmes

https://www.facebook.com/migdalfilmeshttps://www.instagram.com/migdalfilmes/https://www.youtube.com/migdalfilmes

Redes Sociais Migdal Filmes

https://www.facebook.com/migdalfilmes
https://www.instagram.com/migdalfilmes/
https://www.youtube.com/migdalfilmes

Sobre a Fox Film do Brasil

Presente no mercado nacional desde 1920, a Fox Film do Brasil é uma das empresas com maior contribuição à indústria do entretenimento no país, atuando com destaque e garantindo a seus filmes amplo e diferenciado apoio de divulgação. Dentre os grandes sucessos distribuídos pela Fox, encontram-se: “A Favorita”, “A Forma da Água”, “O Regresso”, “Birdman”, “DEADPOOL”, “A Culpa é das Estrelas”, a franquia “X-Men”, “Planeta dos Macacos”, “As Aventuras de Pi”, “Cisne Negro”, as franquias “Como Treinar Seu Dragão”, “Rio” e “A Era do Gelo”.

A Fox também tem uma área voltada para investimento e aquisição de títulos em língua estrangeira. No Brasil, coproduziu e lançou inúmeros longas-metragens nacionais entre os quais os mais recentes: “Lino”, “Em Nome da Lei”, “Linda de Morrer” e outros sucessos como “Somos Tão Jovens”, “Nosso Lar”, “Copa de Elite”, “Assalto ao Banco Central”, “Ensaio Sobre a Cegueira”, “Se Eu Fosse Você 1 e 2”, “Não Se Aceitam Devoluções”, “Divaldo Franco – O Mensageiro da Paz”, entre outros.

Sobre a Paris Filmes

A Paris Filmes é uma empresa brasileira que atua no mercado de distribuição e produção de filmes, destacando-se pela alta qualidade cinematográfica. Além de ter distribuído grandes sucessos mundiais como as sagas “Crepúsculo” e “Jogos Vorazes”, o premiado “O Lado Bom da Vida”, que rendeu o Globo de Ouro®️ e o Oscar®️ de Melhor Atriz a Jennifer Lawrence em 2013 e “Meia-Noite em Paris”, que fez no Brasil a maior bilheteria de um filme de Woody Allen, a distribuidora também possui em sua carteira os maiores sucessos do cinema nacional, como as franquias “De Pernas Pro Ar”, “Até Que a Sorte nos Separe” e “DPA – O Filme”.

Nos últimos anos a empresa esteve à frente de importantes lançamentos como “John Wick”, “La La Land – Cantando Estações”, “A Cabana”, “Extraordinário”, “Nada a Perder” e “Turma da Mônica – Laços”. Para 2021, a companhia aposta em um line-up diversificado, que inclui títulos como “Mundo Em Caos”, “Marighella”, “Diários de Intercâmbio”, “Espiral – O Legado de Jogos Vorazes”, “Turma da Mônica – Lições”, “Detetives do Prédio Azul 3 – Uma Aventura no Fim do Mundo”, a sequência de “Dupla Explosiva”, entre outros.

Redes Sociais Paris Filmes

https://www.facebook.com/ParisFilmesBR
https://www.instagram.com/ParisFilmes
www.youtube.com/ParisFilmes
https://twitter.com/ParisFilmes

Sobre a Downtown Filmes

Fundada em 2006, a Downtown Filmes é a única distribuidora dedicada exclusivamente ao cinema brasileiro. Desde 2011, ocupa a posição da distribuidora número 1 no ranking de filmes nacionais. De 2006 até hoje, vendeu mais de 50% de todos os ingressos de filmes brasileiros lançados. Até janeiro de 2020, a Downtown Filmes lançou 147 longas nacionais, que acumularam mais de 157 milhões de ingressos vendidos e contando…

Entre os maiores sucessos da distribuidora estão “Minha Mãe É Uma Peça 1, 2 e 3”, estrelados por Paulo Gustavo; “De Pernas Pro Ar 1 e 2”, e “Loucas Pra Casar”, com Ingrid Guimarães; “Chico Xavier”, “Elis”, “Fala Sério, Mãe!” com Ingrid Guimarães e Larissa Manoela, “Os Farofeiros” com Mauricio Manfrini e Cacau Protásio, “Minha Vida em Marte” com Paulo Gustavo e Monica Martelli, “Cine Holliúdy 1 e 2” e “Simonal”.

Amarração do Amor

💬

ACESSE E DIVULGUE NOSSA PÁGINA DE APOIO DA REVISTA E SITE AQUI TEM DIVERSÃO 👇

💬OU APOIE COM QUALQUER VALOR!

Anterior A Intimidade é uma Merda, já bateu todos os recordes
Próximo Eixo microbiota-cérebro-intestino é fundamental para a saúde mental