“A Trincheira ou Poeira é Vestido de Vento” é encenado pelo Grupo Seu Estrelo e a Orquestra Alada Trovão da Mata durante a tradicional Festa de Abrição

Na próxima sexta, 26 de abril, o Grupo Seu Estrelo em parceria com a Orquestra Alada Trovão da Mata apresentam seu mais novo espetáculo, “A Trincheira ou Poeira é Vestido de Vento”, encerrando temporada de apresentações em Brasília. A apresentação narra a batalha entre a amaldiçoada devastação e as misteriosas criaturas do cerrado, episódio do Mito do Calango Voador, tradição popular criada pelo artista, Tico Magalhães.

O espetáculo conta com fomento da Secretaria de Cultura do Distrito Federal e produção da Rosa dos Ventos Produções. A apresentação é gratuita e integra a programação da Festa de Abrição, que começa a partir das 20h, no Centro Tradicional de Invenção Cultural, 813 Sul.

Sobre o espetáculo

O sucesso da temporada já é unânime entre o público candango, que pôde vivenciar o espetáculo em algumas das principais Regiões Administrativas do DF como Samambaia, Taguatinga, Gama e Ceilândia. Nessa nova criação, os dois grupos levam aos brasilienses mais um episódio do Mito do Calango Voador, mito que representa a cultura popular cerratense.

O espetáculo, que conta com a formação de cortejo, é composto por 55 artistas, resultado da união entre o Grupo Seu Estrelo e a Orquestra Alada Trovão da Mata. Em cena, as figuras míticas do cerrado enfrentam a amaldiçoada devastação, representada por um boneco gigante, com cerca de 6 metros de altura. O tradicional toque dos tambores, batizado de samba pisado, dá o tom e transforma essa história em uma verdadeira epopeia candanga.

“A nossa ideia é aproveitar os espaços que temos na cidade, por isso o espetáculo acontece na rua, a céu aberto, vestindo Brasília como cenário. A última apresentação será na área externa de nosso centro seguindo esse mesmo propósito de ocupar grandes áreas. É hora de criarmos nossos símbolos e tradições e é isso que esse espetáculo propõe, apresentamos ao público um cerrado vivo, mágico, invisível e profético”, afirma Tico Magalhães, capitão do grupo Seu Estrelo.

A Festa de Abrição

Para encerrar a temporada de apresentações, nada melhor do que unir o espetáculo com a tradicional Festa de Abrição, festejo que comemora o aniversário de Brasília e homenageia a figura mítica de Laiá, sereia do Mito do Calango Voador. Por lá, o público vai participar de uma programação especial, recheada de música, dança e batuque, um verdadeiro encontro de culturas populares.

Para abrir as celebrações, a partir das 20h, o grupo Tambor de Crioula de Seu Teodoro traz um pouco da cultura nordestina, com as rodas de tambores. Às 21h, ponto alto da festa, começa o espetáculo “A Trincheira ou Poeira é vestido de Vento”. Logo depois, às 22h30, o cantor Lucas dos Prazeres vem direto de Recife para apresentar o show “Do Ritmo ao Rezo”, com um rico repertório da cultura popular e homenagem à ancestralidade negra.

Uma aparição mais que especial dará o ar de seu encanto, a paulistana Renata Rosa subirá ao palco para participação no show do mestre de percussão. E para fechar a noite à 00h a Sambada de Seu Estrelo entra em cena.

A diretora da Rosa dos Ventos Produções, Stéffanie Oliveira, ressalta a relevância e abrangência das atividades desenvolvidas pelo grupo: “Essa celebração encerra um projeto de dois anos de Manutenção de Grupo do Seu Estrelo, um conjunto de ações que movimentou a agenda cultural de Brasília.

Neste período, o grupo realizou diversas ações formativas, intercâmbios com mestres e mestras da cultura popular e apresentações por todo o Distrito Federal. Além de manter a realização de suas três festas tradicionais da cidade: a Festa de Abrição, o Aniversário de Seu Estrelo e a Festa do Calango Voador”.

Confira a programação completa da Festa de Abridão

20h – Tambor de Crioula do Seu Teodoro (DF);
21h – Espetáculo: A Trincheira ou Vestido é Poeira de Vento – Orquestra Alada Trovão da Mata e Seu Estrelo (DF);
22h30 – Lucas dos Prazeres (PE) com participação especial de Renata Rosa (PE/SP);
00h – Sambada de Seu Estrelo (DF);

Serviço

Espetáculo “A Trincheira ou Poeira é vestido de Vento”
Data: 26/04
Hora: 20h
Local: Centro Tradicional de Invenção Cultural, SES 813
Entrada: franca
Classificação: Livre

Anterior Escritora traz palestra gratuita e motivacional sobre câncer
Próximo Há vagas para moças de fino trato nas Regiões Administrativas