AQUI TEM DIVERSÃO

A Barqueira, de Sabrina Blanco, estreia dia 20 nos cinemas

A Barqueira | Foto: Divulgação

A Zeta Filmes apresenta A Barqueira, filme da diretora Sabrina Blanco, uma coprodução Argentina/Brasil no próximo dia 20/05 nos cinemas.

Sabrina Blanco é diretora e roteirista, nasceu em Buenos Aires, Argetina, em 1986. Estudou direção cinematográfica na escola Cievyc, em Buenos Aires. A Barqueira é seu primeiro longa. O projeto do filme ganhou o Concurso de Desenvolvimentos de projetos Raymundo Gleyzer 2015, além de ter participado dos eventos como Nuevas Miradas EICTV 2015, Fundación Carolina, Lobo Lab 2016, Forum de Coprodução Festival de Guadalajara 2017, WIP (Work in Progress) Festival Internacional de Cine de Mar del Plata, Ganhador do WIP Festival de Nuevo Cine Latinoamericano La Habana (2018), e do Festival de Málaga (2019).

Sinopse

Tati tem 14 anos e vive com seu pai em uma casa humilde nas favelas do bairro ribeirinho de Isla Maciel, em Avellaneda, província de Buenos Aires. Ela é uma adolescente temperamental, rejeitada pelos colegas, que não se encaixa naquele ambiente. Tati sonha em se tornar uma barqueira – um trabalho quase extinto e sempre realizado por homens. Todos os dias ela tenta usar um barco, mas sem sucesso, até que descobre que um jovem barqueiro começou a trabalhar no cais. Ele se oferece para treiná-la. A jovem Tati, forçada a crescer sozinha em um ambiente hostil, conturbado e violento, aprende então a navegar pelo rio.

Ficha técnica

Roteiro: Sabrina Blanco
Fotografia: Constanza Sandoval
Montagem: Valeria Racioppi
Som: Tiago Bello
Música: Rita Zart
Produção: Georgina Baisch e Cecilia Salim (Murillo Cine)
Coprodução: Jessica Luz (Besouro Filmes)
Elenco: Nicole Rivadero, Alan Gómez, Sergio Prina, Gabriela Saidon
Título original: La Botera

Festivais

– Festival Internacional de Cine Mar del Plata (2019)
– 35 Festival del Cinema Latino Americano di Trieste (2020)
– Málaga Spanish Film Festival (2020)
– Cine Latino Trieste (2020)

Produtora Vulcana

Vulcana Cinema é uma produtora brasileira fundada por Jessica Luz e Paola Wink que acumulam mais de dez anos de experiência atuando em Porto Alegre. Destacam-se os filmes Castanha (Berlinale Forum 2014) e Rifle (Berlinale Forum 2017) de Davi Pretto e Tinta Bruta de Filipe Matzembacher e Marcio Reolon (Berlinale Panorama 2018).

Seus projetos foram agraciados por importantes fundos internacionais como Hubert Bals, IDFA Bertha, Visions sud Est e World Cinema Fund e participaram de laboratórios como EAVE Puentes, Binger Film Lab e Torino Film Lab. Atualmente desenvolvem os novos projetos de Davi Pretto, Caroline Leone e da dupla Filipe Matzembacher e Marcio Reolon, bem como os primeiros longas de Bruno Carboni, Marcela Bordin e Germano de Oliveira.

CLIQUE ABAIXO E ACESSE + CONTEÚDOS SOBRE
  #MÚSICA   #TEATRO&DANÇA   #GASTRONOMIANODF   #RECEITAS  
#ARTESVISUAIS   #FILMES   #SÉRIES   #TVABERTA&ASSINADA
 #LITERATURA   #TURISMO   #EVENTOS

SIGA E CURTA AS NOSSAS REDES SOCIAIS
  FACEBOOK/DIVERSAOAQUITEM   INSTAGRAM/DIVERSAOAQUITEM
TWITTER/DIVERSAOAQUITEM

 

Sair da versão mobile