A roda de samba Já Chegou Quem Faltava em sua 26ª Roda de Samba vem render uma justa homenagem ao grande compositor da Portela, Chico Santana!

Também conhecido como Chico Traidor – “aquele que foi traído mas não traiu jamais” – por ter escrito o Existe um Traidor Entre Nós, o bamba também assina sambas históricos como Muito Embora Abandonado, Lenço, Vida de Fidalga, Noite que Tudo Esconde, Vaidade de Um Sambista, Hino da Portela, de Paulo a Paulinho…

Chico teve canções gravadas por grandes nomes do Samba como Paulinho da Viola, Beth Carvalho, Marisa Monte, Cristina Buarque, Reinaldo, e pela Velha Guarda da Portela – da qual foi um dos maiores expoentes.

E para tornar essa homenagem ainda mais especial, o projeto convidou ainda Neide Santana – filha de Chico e integrante da Velha Guarda da Portela, além de o Beto Fininho – cavaquinhista e integrante da Ala dos Compositores da Azul e Branco de Oswaldo Cruz e Madeira.

Com mais de três anos de história, o Já Chegou Quem Faltava já se tornou uma referência no cenário do Samba em Brasília, tendo se apresentado junto a nomes como Monarco, Tia Surica, Tantinho da Mangueira e Nelson Sargento. O projeto alia a pesquisa de antigos compositores e sambistas à formação clássica dos antigos sambas de quadra – vários músicos, muita percussão e canto em coro, o que se torna um convite irresistível para o público cair no samba!

Serviço

JÁ CHEGOU QUEM FALTAVA CANTA CHICO SANTANA – com Neide Santana(RJ) e Beto Fininho(RJ)
Domingo, 2 de setembro de 2018 – 16h
Círculo Operário do Cruzeiro
(SRE/S Área Especial Lt.9 – ao lado da Administração)

Entrada
Até às 18h: R$10
Após às 18h: R$15
Classificação LIVRE

Anterior Espetáculo - Missão Improviso no Teatro Caesb
Próximo Labirinto Muito Louco com a Turma da Mônica